Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

sexta-feira, 19 de junho de 2015

"O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013" - OS FLAMENGUISTAS CONTINUAM TERGIVERSANDO...


Prezados leitores, passadas mais de trinta e seis horas da publicação do nosso artigo anterior (Link), no qual fizemos um questionamento aos torcedores do Flamengo que nos honram visitando o nosso espaço democrático,  sobre qual a prova que eles teriam sobre a Portuguesa ter sido "comprada", nenhuma resposta foi apresentada.
Nós continuaremos aguardando.
Diante da ausência dessa prova (ou pelo menos de um robusto indício) aconselhamos aos flamenguistas a não acusarem nenhum clube, patrocinador ou indivíduo pela "compra".
Por razões óbvias, se não pode provar, melhor não acusar.

Juntos Somos Fortes!

38 comentários:

  1. Pimenta no dos outros é refresco.

    ResponderExcluir
  2. Há alguma prova no seu livro para assegurar o título que ele ostenta? Ou ele é uma tentativa de indução?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sou flamenguista mas nesse caso o coronel tem uma certa razão, nao total razão mas uma certa razão e explico o porque, se analisarmos a tabela final friamente, se a lusa nao errasse o flamengo cairia, eu só nao acho que seja simples assim tem muita coisa pra se analisar, a primeira coisa é esse "se" a lusa nao errasse,se começa com uma situção hipotetica entao temos que usar hipoteses em todas as vertentes de pensamentos e nao cravar baseado em como ficou a tabela de classificaçao final, pois ja falei o que penso do stjd em caso de punição contra grandes e pequenos, nao só penso como ja postei aqui links provando a falta de criterio desse orgão, ou seja tem varias correntes de pensamentos e todas tem certa dose de coerencia e incoerencia então o coronel tem razão em parte mas em parte tambem nao tem, acho que é mais um título de marketing do que qualquer outra coisa assim ele vende aos tricolores que se dizem injustiçados pela midia, e vende aos flamenguistas que facam com a curiosidade aguçada, pois flamenguista nao pode ver alguem falar mal do seu time, sou capaz de crer que muitos flamenguistas comprarão o livro somente para ver falhas e depois vir rebater, visto que o coronel é um homem inteligente e nao revela o teor do livro, justamente pra aguçar a curiosidade das duas torcidas.

      Excluir
    2. Esta aí o cara dizendo que o livro é uma tentativa de indução.

      Excluir
  3. Bom dia, Coronel Paúl.

    Segue artigo do Cosme Rímoli que vale a pena ser lido por todos.

    Inclusive pelos investigadores do MP/SP.

    http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/sera-que-so-se-o-fbi-investigar-o-caso-heverton-o-brasil-sabera-se-houve-suborno-propina-no-rebaixamento-da-portuguesa-um-ano-e-meio-depois-a-vergonha-so-aumenta-16062015/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse tal de Cosme Rimoli insinua, desde o início, que o Fluminense FC e a Unimed são os corruptores. Inclusive, ele incluiu uma foto dos presidentes do clube e da Unimed, abraçados, em 2012, bebendo champagne em taças.

      Qualquer semelhança com o estouro da garrafa de champagne na década de noventa é mera coincidência...

      Que pena, mais um jornalista tendencioso! Ele não poderia ter feito isso, mesmo que todos os indícios apontassem unicamente para o FFC. E vejam que, segundo a apresentação que ele faz de si mesmo, trata-se de um jornalista esportivo que foi premiado por diversas vezes.

      Excluir
    2. Indiquei o link não pelas insinuações injustas que o Cosme Rimoli faz. Nós tricolores estamos acostumados e isso não me surpreendeu em nada.

      Indiquei o artigo porque ele bota pressão no MP/SP pra que eles avancem nas investigações e concluam logo esse inquérito.

      Desejamos muito isso, pra que parem de vez as acusações infundadas, como as recentes do Ilídio Lico, que contam com a ajuda da imprensa pra serem espalhadas, quando são contra o Fluminense.

      Excluir
    3. O Lico agora disse que o Senador achava que a Unimed poderia pagar, porque é uma empresa rica. Individada, mas tudo bem.

      Se ele desmentiu publicamente, nem Fluminense, nem Unimed poderão processá-lo, correto? Isso foi um pergunta.

      Excluir
  4. Os tricolores estão pipocando com a chegada da verdade. Já estão dizendo que o livro não acusa o flamengo de nada. Vão dizer que sempre acreditaram na inocência do flamengo. Que os erros foram mera coincidência...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Torça para a verdade continuar abafada.
      Torça muito...

      Excluir
    2. Ele está falando para os tricolores torcerem.

      Excluir
    3. Coincidência? Nenhum tricolor acredita nisso! E nem vcs...

      Excluir
  5. diz isso para o ilidio quem fez tal acusação foi ele, cabe a vcs cobrarem sua diretoria uma retaliaçao quanto a isso, quem sabe assim ele nao termina de jogar no ventilador, e o senhor esta distorcendo os fatos nos nao acusamos ninguem apenas defendemos o nosso clube de suas insinuaçoes maldosas,nao tem nenhum burro aqui , pelo menos nos torcedores do flamengo, o senhor pode ate dizer que nunca acusou o flamengo,mas eu digo que sim, nao diretamente mas como diz o ditado,"pra quem sabe ler, um pingo é letra", ou seja nao precisamos que senhor diga com todas as letras que pensa que o flamengo comprou a lusa, quando o senhor deixa nas entrelinhas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No blog temos inúmeros comentários de torcedores do Flamengo dando conta que o Fluminense (UNIMED) comprou a Portuguesa.
      Você deve estar tendo a mesma amnésia coletiva que acometeu a imprensa.
      Cuide-se.

      Excluir
    2. negativo as acusaçoes não nasceram na mente dos flamenguistas do meio do nada, o primeiro a disceminar essa ideia foi o paulinho em seu blog, e agora o ilidio, nós somos meros replicantes, assim como seus leitores tricolores replicam sua ideia, mas com uma diferença eles nao deixam nas entrelinhas, resumindo chumbo trocado nao dói.

      Excluir
    3. Que bom coronel, depois de passados 2 anos o sr assume que não tem provas e que ninguém tem provas.
      Quer dizer que por 2 anos as suas insinuações e os seus comentários nunca passaram de meras especulações imaginárias da sua realidade paralela?
      O seu livro pode até não te causar constrangimento, porem as suas insinuações e os seus comentários sim bem como as suas atitudes, ora não ira falar mais de política e segurança pública, agora mudou de ideia e irá retornar, suas emoções e atitudes estão muito voláteis.
      O sr que é o grande fomentador da discórdia e detrator do Flamengo agora quer inverter o ônus da prova? Prove o sr que a Portuguesa foi comprada.
      Agora aproveitando este seu roteiro de terror, romance, drama e ficção científica podemos aproveitando a fala do Capitão Nascimento que:
      “O SENHOR NÃO É CAVEIRA, O SENHOR É UM FANFARRÃO”

      Excluir
    4. Meu caro, o conteúdo do livro comprova como o Flamengo foi salvo do rebaixamento.
      Se você ainda não entendeu isso, lamento, seu fanfarrão!

      Excluir
    5. Dar espaço para o que diz ou escreve o INHO é mau sinal.
      Os flamenguistas até hoje acusam o Fluminense.
      A FLAPRESS também.

      Excluir
    6. O Coronel também já havia desistido do blog, temporariamente. Avisou que iria tirar férias. Nada mais justo para quem escreve vários posts e tweets por dia, dando a cara a tapa e sem receber nada por isso.

      Não vale chegar agora e dizer que conhece as atitudes do cara.

      Quanto ao "Tropa de Elite", eu não me recordo dessa passagem que você citou. Eu acho que você se confundiu e juntou duas falas do filme.

      Excluir
  6. A falta de educacao no país, em virtude do pessimo ensino, e principalmente, no antigo 1° grau, faz com que os Mulambos não consigam nem interpretar o que ler. Deus perdoa os ANALFAS!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O cara diz "os Mulambos não consigam nem interpretar o que ler", e depois fala em analfabetismo dos outros. O que lêem seu jumento tricolor. Desculpa mas segue sem interpretação, é jumento mesmo.

      Excluir
    2. Você acredita mesmo que o cara cometeu esse erro por falta de conhecimentos gramaticais? Ele também não acentuou a maior parte das palavras. E daí? Que postura mais idiota a sua!

      Coronel, por que você aprova esses comentários?

      São dois os anônimos urubus que estão a identificar supostos erros gramaticais. Eu sei do que falo, fique certo disso. Não há nada que se salve no discurso deles, mas, mesmo assim, eles insistem, acham que sabem muito. Há de ser falta do que falar em prol do clube para o qual torcem.

      Agora, quanto a aprová-los, qual a sua motivação, Coronel? Mostrar o quanto essa gente é pequena? Desista, está ficando desagradável.

      Excluir
    3. Aliás, mulambo, o acento em "leem", oficialmente, já caiu. Seria bom que você se atualizasse, mesmo que a forma antiga ainda seja aceita.

      Excluir
  7. Está decidido. Vou comprar o livro. Dizem que estrume é bom para adubar a terra.

    ResponderExcluir
  8. Samuel contra o Bahia19 de junho de 2015 16:26

    Caro Coronel Paúl,

    Tem várias coisas que não se encaixam na declaração do ex-presidente da Portuguesa, Ilídio Lico.

    Se nós voltarmos no tempo, até dezembro de 2013, o cenário era a Lusa como grande aliada do Flamengo e da imprensa numa blitzkrieg poderosa atacando o Fluminense com todas as forças.

    Fomos massacrados nos jornais, TV, Internet e na rádio, onde sempre eram ouvidas as queixas e acusações em tom uníssono de dirigentes da Portuguesa e do Flamengo.

    Fomos chamados de antiéticos, reis do tapetão, que eles iriam lutar pela moralização do futebol, que eles têm vergonha na cara e até casos de anos atrás eram revividos para justificar a demonização do Tricolor.

    O protagonista da história, o jogador chuchu (adjetivo dado pelo advogado do Corinthians, também emprestado à Lusa) Héverton chegou a dizer que jamais jogaria no Fluminense, pois este seria “um clube sem ética”.

    Chegou ao cúmulo da Portuguesa promover passeatas em São Paulo e caravanas nos dois julgamentos no Rio, para os torcedores se manifestarem contra o “aliado da CBF e do STJD”, segundo palavras lusitanas.

    Pois bem. Não lhe parecem estranhas, Coronel, atitudes assim contra quem (segundo o Sr. Ilídio Lico) havia sido parceiro e cúmplice dos portugueses uma semana atrás?

    Podiam até fingir que nunca houve aliança, mas por que pegar tão pesado?

    Por que a Portuguesa foi à Justiça tentar recuperar seus pontos, já que ela havia acabado de vendê-los pro Fluminense?

    Não seria o caso de nós pedirmos o nosso dinheiro de volta?

    Pensando pelo lado do Flamengo, por que o clube de remo apoiaria aquele que tinha acabado de salvar o seu arquirrival e pior, por dinheiro?

    Por que emprestar o seu melhor advogado para defender o clube que poderia lhe tomar a classificação na série A?

    Imagine só o absurdo: O advogado do Flamengo ajudando a Portuguesa a vencer a sua causa no tribunal e o Flamengo perdendo a sua.

    Sairiam vitoriosos na história (com a ajuda jurídica rubro-negra) Portuguesa e Fluminense, aqueles mesmo que, segundo o Sr. Ilídio Lico, teriam feito um pacto de corrupção.

    Será que os torcedores do clube da Gávea iriam ficar satisfeitos com esse desfecho?

    ResponderExcluir
  9. Ficar falando de "brasileirão" em um blog que, como é sabido, é frequentado por uma maioria interessada nos assuntos da segurança pública e responsabilização dos culpados pelo caos que se tornou o RJ (que, aliás, tem notícia para mais de quilômetro) já deu o que tinha que dar... Já ficou mais do que chato, mas, como dizia minha vó, os incomodados que se mudem. Fui!

    ResponderExcluir
  10. Do Globo Esporte:

    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/portuguesa/noticia/2015/06/sem-provas-de-dolo-mp-pode-acionar-cartolas-por-culpa-em-caso-heverton.html

    ResponderExcluir
  11. Coronel, eu penso que isso merece um post. A fonte é a Fox Sports:

    http://netflu.com.br/ilidio-senador-nao-disse-que-a-unimed-pagou-mas-que-tinha-potencial/

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.