BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

POLICIAIS FEDERAIS AMEAÇAM CONVOCAR A POPULAÇÃO PARA PROTESTO NO CONGRESSO NACIONAL

Prezados leitores, a população presenciou alguns confrontos nas cercanias da ALERJ envolvendo de um lado os Policiais Militares que estavam de serviço e do outro lado servidores, Policiais Militares, Policiais Civis e Bombeiros Militares que protestavam contra o "pacote de maldades" do governador Pezão.
Diante desses fatos recentes, não podemos ignorar o anunciado por Policiais Federais e que foi publicado no Correio Braziliense, no blog do Vicente.




"Correio Braziliense
PF avisa que partirá para o confronto com outras forças policiais nas ruas
Publicado em 31/08/2017 - 11:01
Vicente Nunes
Economia
O clima esquentou de vez na reunião entre representantes do Ministério do Planejamento e de servidores realizada na quarta-feira, 30. O objetivo do governo foi explicar as razões para o adiamento dos reajustes salariais de 2018 para 2019. Flávio Werneck, vice presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), deixou claro que a PF vai para as ruas protestar e está pronta para o confronto com outras forças policiais.
Ele afirmou que os policiais federais vão se juntar aos movimentos sociais em protestos e protegê-los em caso de ação da Polícia Militar, por exemplo. “Todas as representações de categorias vão para as ruas e chamar a população para combater as medidas absurdas do governo. Isso os policiais federais do Brasil ainda não fizeram: garantir a segurança dos movimentos sociais. Chega de teatrinho de jogar bomba de gás lacrimogêneo em quem está nas ruas”, avisou (Leiam mais)".

Juntos Somos Fortes!

FLUMINENSE NÃO PRECISA TER ELENCO MEDÍOCRE PARA EQUACIONAR CONTAS

Prezados leitores, publiquei um novo artigo no site "Futebolzinho", leiam e opinem.



Link:

Juntos Somos Fortes!

ALERJ - VERGONHA, VERGONHA E VERGONHA!



Prezados leitores, nada podemos esperar de positivo que tenha origem na ALERJ dominada pela base governista.
A resposta do funcionalismo, dos militares e da população em geral deve ser dada em 2018, não reelegendo nenhum deputado estadual.

"Jornal Extra
30/08/17 16:50 Atualizado em 30/08/17 17:33
ALERJ mantém veto que reduziria salário de Pezão e secretários do estado em 30% 
Nelson Lima Neto 
Em longa discussão, os deputados da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) mantiveram o veto a lei que reduziria em 30% o salário do governador Luiz Fernando Pezão, do vice Francisco Dornelles e dos secretários de governo. A lei foi aprovada pela Alerj, em dezembro, mas foi vetada por Pezão. 
Nesta quarta-feira, os deputados analisaram o veto de Pezão ao projeto. Eram necessários 36 votos para que o veto caísse, mas 21 deputados votaram favoráveis a suspensão. Outros 26 parlamentares votaram em manter o veto. Detalhe que 66 deputados estavam presentes, e 18 deles não votaram (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

NÃO EXISTE GUERRA NO RIO! ISSO PARA O EXÉRCITO BRASILEIRO...



Prezados leitores, inúmeras vezes expressei minha opinião sobre a responsabilidade das Forças Armadas na retomada e na ocupação das comunidades carentes que hoje estão em poder de criminosos que usam essas partes do território nacional como homizio e base de operações.
Tenho frisado que a retomada e a ocupação não são missões de polícia ostensiva, conforme o texto constitucional.
Hoje o Jornal Extra publica matéria onde consta que o Exército não considera que exista uma guerra no Rio de Janeiro.
Salvo engano, o discurso sobre a inexistência de um "inimigo" não merece prosperar diante da realidade, onde esses grupos dominam as comunidades e exercem monopólios estatais que devem ser recuperados pelo governo federal. 
A Polícia Militar cabem o policiamento ostensivo e a preservação da ordem e não incursionar nestes territórios inimigos. 
Leiam e opinem.

"Jornal Extra
31/08/17 06:00 Atualizado em 31/08/17 07:56 
Para Exército, não há guerra no Rio, mas vídeo do governo mostra tanques em favelas 
Um mês após o início da atuação das Forças Armadas no Rio, o porta-voz da operação, coronel Roberto Itamar Cardoso Plump, diz que há um “estado de normalidade democrática e jurídica” no Rio de Janeiro e não uma guerra, termo usado por moradores que vivem em situações de risco para definir o clima de medo. O discurso de normalidade e paz contradiz um vídeo institucional divulgado pela Presidência da República para promover a atuação dos militares no Rio. 
O filme tem um minuto e trata a cidade de forma desigual. Vinte e quatro segundos são gastos para mostrar uma cidade maravilhosa, exaltar as belezas de pontos turísticos e mostrar um balneário seguro e pacífico. As áreas mais pobres da cidade ocupam seis segundos da produção, com cenas de militares entrando em favelas com armas e tanques de guerra, reforçando o preconceito contra as comunidades carentes e sugerindo que a solução ali é o combate da guerra. 
No vídeo, aparecem quatro pontos turísticos — Cristo Redentor, Pão de Açúcar, Arcos da Lapa e orlas de Ipanema e Leblon — e em nenhum deles homens das Forças Armadas aparecem fazendo patrulhamento. Os militares estão, exclusivamente, dentro das comunidades — apesar de, na prática, atuarem apenas no entorno. O vídeo é uma peça publicitária que foi transmitida em aeroportos para ser assistida por turistas a caminho do Rio. 
Para Itamar, a situação do Rio não se encaixa no que chama de “guerra militar” porque não há lados opostos se enfrentando, “com mortes indiscriminadas”. 
- Numa guerra, dois lados inimigos se enfrentam com mortes indiscriminadas. Na guerra, existe a figura do inimigo. Aqui não há esse inimigo. Nem os criminosos são inimigos. São pessoas que estão fora da lei e que os órgãos de segurança têm dever constitucional de prender para que sejam julgados. As polícias Civil e Militar, quando vão cumprir mandados, vão cumprir a lei. Na guerra, aconteceria uma devastação - diz Itamar (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

CALE-SE! SÉRGIO CABRAL QUER DAR ENTREVISTA À IMPRENSA

ex-governador Sérgio Cabral


Prezados leitores, era só o que faltava, o ex-governador Sérgio Cabral conceder entrevistas.
O Poder Judiciário acertou ao negar a solicitação.
Cale-se! Sérgio Cabral!
Ninguém quer saber da sua versão para os fatos, a realidade demonstra os seus "malfeitos" para o estado e a população do estado do Rio de Janeiro.
A matéria contém um erro: Cabral está preso em Benfica e não no Complexo de Gericinó.

"Jornal O Dia
Justiça Federal nega pedido de Cabral para dar entrevistas à imprensa 
Desembargador seguiu a decisão do juiz Marcelo Bretas, que alegou que 'não havia interesse público na concessão da entrevista' 
30/08/2017 13:55:50 
Rio - A Justiça Federal negou, nesta quarta-feira, em segunda instância, o pedido da defesa do ex-governador Sérgio Cabral para dar entrevistas a dois veículos de comunicação. O requerimento já havia sido negado pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio e, por isso, os advogados recorreram à Primeira Turma Especializada do Tribunal Regional Federal (TRF). 
O desembargador Abel Gomes seguiu a decisão do juiz Marcelo Bretas, que alegou que "não havia interesse público na concessão da entrevista, sobretudo porque as informações referentes ao processo estão disponíveis para a imprensa". Já a defesa argumentou que o ex-governador pretendia apresentar sua versão dos fatos. Cabral está preso desde novembro do ano passado, no Complexo de Gericinó, acusado de comandar um esquema de corrupção (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

FUNCIONALISMO - PAGAMENTO - MENSAGEM QUE CIRCULA NA REDE É FALSA

Prezados leitores, considerando o sofrimento que tem sido vivenciado pelos servidores públicos e militares, criar uma mensagem falsa sobre um calendário de pagamentos beira à crueldade (Fonte).




Juntos Somos Fortes!

A SUCESSÃO NA POLÍCIA FEDERAL E A LAVA JATO



Prezados leitores, não resta qualquer dúvida que o maior objetivo dos políticos comprometidos com os malfeitos é por fim à Operação Lava Jato.
Ao povo só resta torcer para que a sucessão na Polícia Federal não contribua para tal objetivo.

"Jornal O Dia
Esplanada: transição na PF 
Um impasse trava a transição diante da disputa de três nomes para cargo maior do comando da mais prestigiada instituição federal junto à sociedade 
29/08/2017 11:00:00 
Rio - Nos altos corredores da sede da Polícia Federal em Brasília é dada como certa a posse de novo diretor-geral até fim de outubro. Um impasse trava a transição diante da disputa de três nomes para cargo maior do comando da mais prestigiada instituição federal junto à sociedade. O DG Leandro Daiello quer fazer o sucessor, e apadrinha o braço-direito Luiz Pontel. Os militares e o Gabinete de Segurança Institucional do Palácio apostam no linha-dura Rogério Galloro. E o ministro da Justiça, Torquato Jardim, tem simpatia pelo delegado Fernando Segóvia (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

GILMAR MENDES TERIA RECEBIDO FLORES DO "REI DOS ÔNIBUS"

Ministro Gilmar Mendes

Prezados leitores, o Supremo Tribunal Federal (STF) precisa se apressar na análise da solicitação de impedimento do exmo Ministro Gilmar Mendes, conforme solicitação oriunda do exmo procurador geral da república Rodrigo Janot.
Salvo engano, a demora está contribuindo para o descrédito da mais alta corte do Brasil.

"Jornal O Dia
Gilmar Mendes recebeu flores de rei dos ônibus do Rio 
Procuradoria pede nova suspeição de ministro para impedi-lo de julgar casos relativos a Jacob Barata Filho 
29/08/2017 19:57:52 
ESTADÃO CONTEÚDO 
A Procuradoria da República no Rio enviou nesta terça-feira, 29, o terceiro pedido de suspeição do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes ao procurador-geral, Rodrigo Janot. O objetivo é impedi-lo de julgar casos relativos ao empresário de ônibus do Rio Jacob Barata Filho. Os procuradores descobriram que no dia 23 de novembro de 2015 Barata Filho enviou flores ao casal Gilmar e Guiomar Mendes, no valor de R$ 200,10, o que demonstra a relação de intimidade, conforme eles, entre o ministro e o empresário (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

VERGONHA! COMISSÃO DA ALERJ APROVA CONTAS DE PEZÃO



Prezados leitores, o que aconteceu (e o que continua acontecendo) no estado do Rio de Janeiro nos governos Cabral-Pezão constitui uma infinidade de escândalos.
Não sei o que é maior: a passividade do povo ou a ousadia dos maus políticos.

"Jornal O Dia
Comissão de Orçamento da Alerj aprova as contas do governo Pezão 
Parlamentares ainda vão votar no plenário em discussão única 
29/08/2017 17:46:32 
Rio - As contas referentes ao ano de 2016 do governo de Luiz Fernando Pezão foram aprovadas por quatro votos a três nesta terça-feira, na Comissão de Orçamento da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). O parecer vencedor, de autoria do deputado Edson Albertassi (PMDB), será votado em discussão única pelo plenário da Casa, na forma de um projeto de decreto legislativo, em até 30 dias (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

VÍDEOS - AS OPINIÕES DO CORONEL ÍBIS SILVA

Prezados leitores, publico dois vídeos com falas do Coronel Íbis, isso para facilitar o entendimento de suas opiniões nos dois momentos. 
O primeiro quando era Comandante Geral e o segundo que está circulando nas redes nos últimos dias. 








Juntos Somos Fortes!

SEGURANÇA PÚBLICA - UMA COMPARAÇÃO - CHILE x BRASIL

Prezados leitores, recomendo que assistam o vídeo que publico neste artigo e que façam reflexões sobre a breve comparação.


video


Juntos Somos Fortes!

VÍDEO - CORONEL DE POLÍCIA PAUL, EM 2011, ANUNCIOU O FRACASSO DAS UPPs

Prezados leitores, em 2011 eu concedi uma entrevista na TV ALERJ e comentei o fracasso das UPPs. 





Livro

Juntos Somos Fortes!

FAMÍLIA DE SÉRGIO CABRAL RECEBE PROTEÇÃO ENQUANTO O CIDADÃO FICA A MERCÊ DOS CRIMINOSOS.

Prezados leitores, oportuna a matéria publicada pelo Jornal do Brasil, nestes tempos de violência sem controle no estado do Rio de Janeiro.




"Jornal do Brasil
27/08 às 17h23 - Atualizada em 27/08 às 17h26
Enquanto o Rio sangra, Cabral recebe segurança 
Enquanto a população do Rio de Janeiro sofre a maior crise da história do estado, enquanto os servidores não têm dinheiro sequer para comer, enquanto os hospitais não têm sequer esparadrapo, enquanto o comércio fecha as portas, e a escalada da violência mata bebês antes mesmo de eles nascerem, enquanto policiais militares se transformam em alvos e o estado chega à dramática marca de 100 PMs mortos somente neste ano, o ex-governador Sérgio Cabral - grande timoneiro do caos em que se transformou o Rio de Janeiro - parece ainda gozar de privilégios. 
Neste domingo, duas viaturas da PM faziam a segurança na Rua Aristides Espínola, no Leblon, onde fica o luxuoso apartamento de Cabral. Policiais militares que trabalham com material sucateado, que ficaram boa parte do ano sem receber a gratificação do Regime Adicional de Serviço (RAS) - horas extras - e que estão na linha de frente da violência descontrolada no estado, receberam ordens para fazer a segurança no local (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

domingo, 27 de agosto de 2017

BLOG DO CORONEL PAÚL - ARTIGOS MAIS LIDOS NA SEMANA DE 19 A 26 DE AGOSTO DE 2017



Prezados leitores, relaciono os artigos mais lidos na semana anterior:

1) ERRO DA GESTÃO BELTRAME COMEÇA A SER CONSERTADO - 3.000 PMs SAIRÃO DAS UPPs (Link). 

2) RIO - 2.000 POLICIAIS MILITARES NÃO TRABALHAM COMO POLICIAIS MILITARES (Link). 

3) UPPs - APÓS O FRACASSO, O PERIGOSO CAMINHO DE VOLTA (Link). 

4) RIO - ESTADO BRASILEIRO SUBJUGADO PELO TRÁFICO DE DROGAS (Link). 

5) UPPs - IMPRENSA DEVE TER ERRADO AO NOTICIAR 3.000 PMs (Link). 

Juntos Somos Fortes!

sábado, 26 de agosto de 2017

POR QUE GEORGE SOROS FINANCIA MOVIMENTOS DE ESQUERDA? - ALAN GHANI

Prezados leitores, o Brasil acaba com a esquerda ou a esquerda acaba com o Brasil.



"BLOG POR ALAN GHANI
26 AGO, 2016 09H14 
Por que George Soros financia movimentos de esquerda? Entenda 
O casamento aparentemente contraditório entre um bilionário capitalista com grupos de esquerda desperta a seguinte pergunta: como um bilionário capitalista, especulador no mercado financeiro, decidiu financiar grupos de esquerda? E por quê? Basicamente, porque muitos movimentos de esquerda não são necessariamente contra o capitalismo de George Soros, mas contra valores e princípios conservadores, base da civilização ocidental, que representam obviamente uma resistência aos anseios globalistas de Soros e outros grandes capitalistas - tema muito discutido em outros países e totalmente obscuro no Brasil. 
De acordo com o intelectual Flávio Morgenstern (em ótimo Podcast sobre o tema, no qual resumo parte das ideias abaixo), para compreender o casamento entre George Soros e grupos de esquerda, é fundamental entender quais são os objetivos da esquerda hoje e o que é Globalismo, fenômeno muito debatido no mundo, mas pouco discutido no Brasil.    
Segundo Morgenstern, o grande objetivo da esquerda é um mundo de paz entre as pessoas. Assim, para se alcançar a PAZ, na lógica esquerdista, seria necessário um Estado forte, além das fronteiras de um país, capaz de destruir todas as fontes de desigualdades na sociedade, seja ela racial, sexual ou até de renda. Mais do que isso, se tivéssemos um Estado com controle absoluto sobre a sociedade, acima das forças locais de um país, não haveria motivos para as nações entrarem em guerra. E é exatamente aí que entra o Globalismo de Geroge Soros. 
Teoria da conspiração? O brilhante filósofo inglês, Roger Scruton (ver obra Como ser um Conservador), nos diz que não. Segundo ele, a União Europeia foi criada justamente para ser um Estado acima dos governos locais a fim de evitar mais guerras na Europa. O ponto chave é que a união entre os povos não ocorreu de maneira  espontânea, popular, de baixo para cima, mas imposta por uma agenda globalista onde as pessoas comuns não se vêm representadas pelas novas normas e leis impostas para a sociedade pelos burocratas de Bruxelas.  A saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit) só mostrou este descontentamento popular com a agenda globalista (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

PROCURADOR RODRIGO JANOT DENUNCIA "CACIQUES" DO PMDB

Prezados leitores, o PT, o PMDB e o PSDB estão sendo implodidos.
O ideal seria uma implosão ampla, geral e irrestrita dos partidos políticos do Brasil.
É hora de reconstruir o Poder Legislativo e para isso é indispensável uma renovação de cem por cento.
Por isso apoio a campanha não reeleja ninguém.
A regra é simples: tem mandato, não vote!


Calheiros, Sarney e Jucá

"Jornal O Dia
PGR denuncia José Sarney, Romero Jucá e Renan Calheiros na Lava Jato 
Além deles, os senadores do PMDB Garibaldi Alves Filho (RN) e Valdir Raupp (RO) e executivos foram denunciados 
25/08/2017 17:12:29 
AGÊNCIA BRASIL 
Brasília - O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou, nesta sexta-feira, denúncia contra quatro senadores do PMDB: Renan Calheiros (AL), Romero Jucá (RR), Garibaldi Alves Filho (RN) e Valdir Raupp (RO). 
No mesmo inquérito, também foram denunciados o ex-presidente José Sarney; o ex-presidente da Transpetro (subsidiária da Petrobras) Sergio Machado; o ex-presidente da empresa Odebrecht Ambiental Fernando Reis; e os executivos Luiz Fernando Maramaldo e Nelson Maramaldo, sócios da empresa NM Engenharia. 
A denúncia é resultante das investigações sobre desvios em contratos da Transpetro. São apurados os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. O deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE) também era alvo do mesmo inquérito, mas não foi denunciado (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

EX-GOVERNADOR SÉRGIO CABRAL, "O PODEROSO CHEFÃO" DA CADEIA



Prezados leitores, o ex-governador Sérgio Cabral parece estar zombando do Ministério Público Federal e do Poder Judiciário.
Ele deveria estar encarcerado em um presídio federal.

"Revista Veja
Sergio Cabral é o ‘poderoso chefão’ da cadeia 
O poderoso chefão 
Mauricio Lima 
26 ago 2017, 10h00 
Sergio Cabral continua a dar ordens ao seu grupo. Em encontro recente na biblioteca da cadeia de Benfica, onde vários cumprem pena, ele perguntou aos asseclas quem seria o primeiro a dar um soco em Paulo Magalhães Pinto, que o delatou, quando saíssem dali. Não faltaram voluntários (Fonte)".

Juntos Somos Fortes!

ASSASSINADO O CENTÉSIMO POLICIAL MILITAR NO RIO "PACIFICADO" POR BELTRAME



Prezados leitores, a população e, sobretudo, os Policiais Militares são vítimas dos erros cometidos por quase DEZ ANOS na gestão da segurança pública no estado do Rio de Janeiro.
Vidas trocadas por votos.
O meio usado para conquistar os votos foi um projeto anunciado como maravilhoso: as Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).
Implantado sem a devida qualificação dos Policiais Militares que integraram seu efetivo, sem o emprego de Policiais Militares experientes para orientar e proteger os novatos e sem a mínima infra-estrutura.
Como não prenderam os criminosos ao implantar o projeto, eles migraram para as ruas e espalharam a violência por todo estado do Rio de Janeiro, assassinando Policiais Militares nas UPPs e nas ruas (serviço e folga).
O governo Sérgio Cabral usou a fórmula para um projeto DAR ERRADO e teve um sucesso absoluto, considerando o fracasso completo das UPPs.
Cabral ficou com os votos, Beltrame chegou a ser eleito o destaque do ano, as UPPs iam ser "exportadas", os Policiais Militares ficaram submetidos ao risco de morte iminente e suas mães, esposas e filhos ficaram sem seus entes queridos e receberam bandeiras nacionais.


"Jornal O Globo
MORRE O CENTÉSIMO POLICIAL MILITAR NO ESTADO DO RIO EM 2017 
Sargento lotado em Magé teria reagido a uma tentativa de assalto e foi morto 
IGOR RICARDO E VERA ARAÚJO 
26/08/2017 10:22 / atualizado 26/08/2017 12:26 
Morreu na manhã deste sábado um policial militar identificado como sargento Fábio José Cavalcante e Sá. Lotado no 34º BPM (Magé), ele é o centésimo policial militar morto este ano, uma marca que vem sendo batida cada vez mais cedo nos últimos quatro anos. De acordo com as primeiras informações, o sargento morreu em uma tentativa de assalto em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Homens armados com fuzis surpreenderam o policial, que reagiu e foi baleado na cabeça. A informação da morte foi confirmada pelo Comandante-Geral da Polícia Militar, coronel Woney Dias. Ele lamentou o crime. - Ele morreu com um tiro de fuzil na cabeça - lamentou (Fonte)". 

Juntos Somos Fortes!

VAI COMPRAR? BENS DE SÉRGIO CABRAL E ESPOSA SERÃO LEILOADOS

Prezados leitores, se o sucessor de Sérgio Cabral, o governador Pezão, não tivesse atrasado tanto os pagamentos e deixando de pagar o décimo-terceiro, quem sabe se todos os funcionários públicos e todos os militares (policiais e bombeiros) se unissem não dava para fazer uma "vaquinha" tentando comprar alguma coisa.



"Site G1
Juiz marca leilão de bens de Cabral e Adriana Ancelmo 
Despacho estabelece data para o dia 3 de outubro. Entre os itens está a casa de Mangaratiba avaliada em R$ 8 milhões. 
25/08/2017 20h13 Atualizado há 40 minutos 
O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal marcou para o dia 3 de outubro o leilão de bens que pertenceram ao ex-governador Sérgio Cabral Filho e de sua mulher, a advogada Adriana Ancelmo. Entre os itens está a casa em Mangaratiba, no Condomínio Portobello, avaliada em R$ 8 milhões. 
No leilão que será realizado no Foro da Justiça Federal Marilena Franco, no Centro do Rio, também estará disponível a lancha Manhattan Rio avaliada em R$ 4 milhões. Um jipe Freelander em nome Coelho e Ancelmo advogados, avaliado em R$ 120 mil e outro automóvel avaliado em R$ 240 mil em nome de Adriana de Lourdes Ancelmo também estarão no leilão (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

O FRACASSO DAS UPPs - UM COMENTÁRIO QUE MERECE REFLEXÕES

Prezados leitores, transcrevo um dos comentários recebido em artigo sobre o fracasso das UPPs para servir como estímulo para promover reflexões sobre os temas abordados.


Ex-governador Sérgio Cabral e governador Pezão

"Anônimo
24 de agosto de 2017 19:49 
Vdd. Lembro que a imprensa festejou policiais vestidos de palhaços para entreter crianças e conjuntos musicais formados pelos agentes das UPPs para entreter adultos das favelas. Quem não lembra de bailes debutantes recheados de PM dançando valsa e servindo de idiota útil para o governante, e também das escolinhas de artes marciais e futebol? É claro que foi necessário negligenciar a segurança da população do asfalto para realizar tantos desvios de função e circo. O paradoxo é que os traficantes aproveitaram e expandiram os negócios (em todos os sentidos) enquanto a mídia dava cobertura: conquistaram territórios onde antes não ousavam desfilar e descobriram que poderiam cometer toda sorte de crimes (roubo de cargas, celulares, veículos, caixas eletrônicos, etc.), pois já não havia viaturas nem policiais que poderiam surgir repentinamente e lhes enfiar bala pelos cornos. Ora, só agora se deram conta que esses policiais estão fazendo falta no policiamento do Estado? Os dois últimos governadores, os dois últimos secretários de segurança e todos que assumiram o comando geral da PM deveriam responder perante a justiça, não só pelo aumento da criminalidade e vitimados, mas também pela associação criminosa que foi excelente para os traficantes. Mas isso aqui é Brasil, e assim como o dinheiro público parece não ter dono (pode ser roubado, desviado, jogado no lixo) crimes de autoridades não são crimes de ninguém. Nojo".

Juntos Somos Fortes!

POLICIAIS FEDERAIS NÃO DEVEM USAR COLETE VENCIDO. POLICIAIS MILITARES E CIVIS TAMBÉM NÃO



Prezados leitores, o Poder Judiciário deve determinar também que todos os coletes balísticos que estejam vencidos da Polícia Militar e da Polícia Civil sejam substituídos.
Não custa lembrar que a exposição ao risco de morte é muito maior por parte dos Policiais Militares, sobretudo os que trabalham no estado do Rio de Janeiro.

"Site G1
Justiça determina que União substitua todos os coletes a prova de bala vencidos da PF no Rio 
Liminar diz que material vencido deve ser substituído em 20 dias. 
Por Marcelo Gomes, GloboNews 
24/08/2017 20h30 Atualizado há 10 horas 
A Justiça Federal concedeu uma liminar que obriga a união a recolher e substituir todos os coletes da Polícia Federal do Rio de Janeiro com prazo de validade vencido. A decisão foi veiculada com exclusividade pela GloboNews. 
A decisão destaca que missões policiais, "em tempos sombrios" como os de hoje, expoem os policiais a um risco, um risco criado porque os coletes não estão aptos para o fim destinado. 
Também diz que há direitos fundamentais em risco, que devem ser garantidos aos policiais e determina que a União providencie - em 20 dias - a substituição dos coletes vencidos e que os policiais que não tiverem coletes não poderão sofrer qualquer procedimento administrativo, caso se neguem a trabalhar. 
O sindicatos dos Policiais Federais no Rio de Janeiro disse que hoje não há coletes para todo o efetivo (Fonte)". 

Juntos Somos Fortes!

OPERAÇÃO CALABAR: 96 POLICIAIS MILITARES DO 7o BPM PODERÃO SER SOLTOS



Prezados leitores, a decisão liminar de um desembargador poderá poderá beneficiar todos os Policiais Militares que estão presos.
Não será a primeira vez que uma operação acusando inúmeros policiais militares apresenta erros.

"Jornal O Dia
Operação Calabar pode ir por água abaixo no Judiciário 
Foi a maior ação de combate à corrupção policial na história do estado. O alvo era o 7º BPM (São Gonçalo) 
24/08/2017 16:02:36 - ATUALIZADA ÀS 24/08/2017 19:44:52
ADRIANA CRUZ
Rio - O desembargador da 6ª Câmara Criminal, Luiz Noronha Dantas, decidiu suspender liminarmente o processo contra o policial militar Dilmar Correia de Souza, Júnior, um dos 96 policiais militares acusados de corrupção na operação Calabar, deflagrada em junho.
O pedido foi do defensor público Thiago Belotti de Oliveira. Ele sustentou ainda a inépcia da denúncia do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), Ministério Público, ou seja, sem validade, sob a alegação de que não há precisão nos dados e nem exposição do fato criminoso com todas as circunstâncias.
O magistrado abriu a porta para que todos sejam beneficiados. A decisão final será no julgamento do caso, com a participação de todos os desembargadores da câmara. Se a ação contra Júnior for anulada, os outros réus podem ser beneficiados. Assim, todos seriam soltos e o caso voltaria para a Polícia Civil continuar as investigações (Fonte)".

Juntos Somos Fortes!

UPPs, O FRACASSO COMPLETO

Prezados leitores, o projeto de implantação das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) está revelando todas as faces do seu fracasso.

Capa do livro



"Jornal O Dia
Unidades de Polícia Pacificadora têm déficit de viaturas, coletes e fuzis 
Relatório da Secretaria de Segurança mostra que 70% dos carros das UPPs apresentam problemas 
24/08/2017 10:15:24 - ATUALIZADA ÀS 24/08/2017 11:31:05 
BRUNA FANTTI 
Rio - Quase 70% das viaturas operacionais das 39 Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) apresentavam problemas mecânicos há dois meses. Em relação aos fuzis, 23% do total estavam baixados e, dos coletes balísticos, 32% encontravam-se avariados. Os dados constam em um relatório, ao qual O DIA teve acesso, do Conselho Permanente de Avaliação e Deliberação para as UPPs. A comissão é da Secretaria de Segurança criada para análise do projeto de pacificação (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

TRAGÉDIA - RIO TEM O NONAGÉSIMO NONO POLICIAL MILITAR ASSASSINADO EM 2017

Prezados leitores, meus sentimentos aos familiares e amigos do Policial Militar assassinado.




"Jornal Extra
24/08/17 13:16 Atualizado em 24/08/17 16:34 
Estado do Rio tem o 99º policial morto somente este ano 
Ana Carolina Torres e Bruno Alfano 
Mais um policial foi assassinado no Rio, nesta quinta-feira. O subtenente da PM Mabel Sampaio, de 53 anos, morreu após ser baleado no bairro Porto da Madama, em São Gonçalo, na Região Metropolitana. Ele é o 99º agente morto no estado somente este ano (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

UPPs - APÓS O FRACASSO, O PERIGOSO CAMINHO DE VOLTA



Prezados leitores, embutido no fracasso anunciado por mim das UPPs a partir de 2009, estava o perigoso caminho de volta, ou seja, a hora de retroceder e desfazer tudo que foi feito errado.
Era evidente que isso ocorreria.
O momento chegou.
Sem alternativa para tentar melhorar o deficiente policiamento ostensivo, o Comando Geral da Polícia Militar teve que anunciar o remanejamento de quase um terço (3.000 PMs) do efetivo das UPPs para complementar o efetivo dos batalhões.
Uma decisão eivada de riscos considerando o perigo a que estarão expostos os Policiais Militares que permanecerão nas UPPs.
Basta considerar que as UPPs já sofriam ataques com os efetivos atuais, algo que pode ser ampliado com a diminuição do efetivo.
A situação exige muito planejamento para que esse risco seja minimizado.
É hora do planejamento que faltou no projeto de implantação ser valorizado nesse caminho de volta para os batalhões.

Juntos Somos Fortes!

BRASILEIRÃO 2013 - SILÊNCIO DA IMPRENSA, A HORA DE DAR COM A LÍNGUA NOS DENTES



Prezados leitores, as investigações sobre o que ocorreu na última rodada do Brasileirão 2013 foram concluídas e arquivadas pelo GAECO do Ministério Público de São Paulo (MP-SP), apesar dos esforços dispendidos por muitos nas redes sociais (eu cheguei a fazer recursos ao MP-SP) para que elas prosseguissem com a oitiva de editores, de jornalistas, de advogados, de jogadores e de dirigentes, assim como, com a promoção das acareações que se fizessem necessárias para que TUDO fosse devidamente esclarecido.
As investigações foram encerradas inconclusivas, mas existe pelo menos um fato concreto que é indiscutível (que também não foi investigado): a imprensa não deu o furo do Brasileirão 2013, ou seja, o fato do jogador André Santos ter sido escalado irregularmente e que com isso o Flamengo perderia QUATRO PONTOS e tinha 40% de possibilidade de ser rebaixado no domingo dia 8 de dezembro de 2013.
Não existe explicável aceitável para tal OMISSÃO.
Como não é crível que possa ter ocorrido uma AMNÉSIA COLETIVA nos integrantes da imprensa esportiva brasileira, isso nos dias 7 e 8 de dezembro de 2013, o fato nos faz especular que a OMISSÃO possa ter sido intencional.
Tal possibilidade (ressalto, possibilidade) nos conduz a novas especulações.
Se a omissão foi proposital o "arranjo" está fechado a sete chaves, considerando que caso se torne público causará um estrago nunca antes visto na  história do futebol brasileiro (ou mundial).
Tenho certeza que ninguém dúvida que o escândalo seria gigantesco, a amplificação geométrica do pequeno escândalo que é o fato consumado da imprensa não ter divulgado.
Caso o arranjo tenha existido, ele tem um inimigo mortal: o tempo.
No dia 7 de dezembro a omissão completa QUATRO ANOS.
Salvo melhor juízo, pode estar chegando a hora de alguém dar com a língua nos dentes.
Segredos são revelados com o passar do tempo, isso é muito comum, a história está repleta de exemplos.
Torço para que tudo seja clarificado.
Claro, caso tenha existido algum arranjo.
Aliás, vale destacar que também pode aparecer um médico que forneça um atestado sobre a AMNÉSIA COLETIVA, resolvendo assim o mistério.

Juntos Somos Fortes!

RIO - 2.000 POLICIAIS MILITARES NÃO TRABALHAM COMO POLICIAIS MILITARES



Prezados leitores, tenho criticado em artigos e vídeos publicados neste espaço democrático, isso nos últimos anos, o absurdo número de Policiais Militares que estão cedidos a outros órgãos e que não exercem a função de policiar as ruas do estado do Rio de Janeiro.
Como explicar que diante da falta de efetivo para policiar as ruas, o governo Pezão permita que mais de DOIS MIL Policiais Militares estejam fora da Polícia Militar?
O fato é que a situação é inexplicável.
O órgão que tem mais Policiais Militares cedidos é a Secretaria de Segurança Pública (SESEG), por mais absurdo que isso possa parecer, tendo em vista que a SESEG deveria ser  a primeira a priorizar o policiamento ostensivo.
Denunciei isso diversas vezes, ao tratar da proposta de extinção da SESEG, órgão que considero desnecessário e que consome recursos humanos e financeiros em demasia.
Urge que o governo recupere esse efetivo para servir e proteger a população fluminense.

Juntos Somos Fortes!

VÍDEO - ROMBO NA PREVIDÊNCIA SOCIAL?

Prezados leitores, publico mais um vídeo onde é tratado do alegado rombo da previdência social.


video


Juntos Somos Fortes!

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

LEGALIZAÇÃO DAS DROGAS - QUEM EMPREGARÁ OS ATUAIS TRAFICANTES?

Prezados leitores, ontem, postei no Facebook o seguinte pedido:

"Ajuda - Em quais países o consumo de drogas ilícitas foi legalizado e quais foram as drogas? Grato!"

Gentilmente alguns amigos (as) emitiram opiniões e apresentaram exemplos.
Uma amiga indicou para pesquisa o "LEAP Brasil - Agentes da Lei contra a proibição" (Link para página no Facebook).


A LEAP reúne várias autoridades que são favoráveis contra a proibição, o que me motivou a pesquisar na página, onde encontrei como missão:

"A missão da LEAP BRASIL é contribuir para concretizar a legalização e consequente regulação e controle da produção, do comércio e do consumo de todas as drogas, para assim pôr fim à violência, às mortes, ao encarceramento massivo, à corrupção, às doenças e às demais violações a direitos humanos fundamentais provocados pela falida, insana, nociva e sanguinária política proibicionista de ‘guerra às drogas’."

A leitura despertou uma curiosidade que resolvi dividir com os leitores, fiel ao meu habitual pragmatismo.
Antes devo destacar que respeito o trabalho desenvolvido pela LEAP e que os questionamentos que se seguirão não têm qualquer caráter crítico ao defendido pela organização.
Indo em frente!
A expressão "encarceramento massivo" me fez pensar: quantos brasileiros e brasileiras "trabalham" no comércio ilícito de drogas em todo o Brasil?
Milhares, certamente.
Dessa verdade surgiram alguns questionamentos, isso no caso deles perderem a sua fonte de renda com o fim da proibição:

- Será que eles mudarão de atividade criminosa? Migrarão para os assaltos, por exemplo.

- Será que eles deixarão o mundo do crime?

- Será que surgirão milhares de vagas no mercado de trabalho lícito, inclusive decorrentes da não proibição, para absorver toda essa mão de obra?

Peço ajuda aos leitores para melhor entender esse futuro.

Juntos Somos Fortes!

MINISTRO DA DEFESA AVALIA CONCORRER AO GOVERNO DO RIO DE JANEIRO



Prezados leitores, parece o o Ministro da Defesa Raul Jungman está apostando no sucesso das operações conjunta (governos federal e estadual) estão realizando no Rio de Janeiro.
Penso que ele acredita que esse sucesso trará com ele a popularidade necessária para concorrer à sucessão do governador Pezão.
Uma popularidade como a alcançada pelo ex-secretário de segurança Beltrame quando as UPPs eram consideradas o melhor projeto de segurança pública do Brasil.
Torço para o sucesso das operações, a violência está fora de controle no estado e essa cruel realidade precisa ser mudada, mas espero que se isso acontecer a população não use apenas esse referencial para escolher em quem votar.
O Rio de Janeiro não precisa de um "xerife".
Os últimos que receberam esse apelido nem o mereciam.
O Rio precisa de um administrador que seja acima de tudo competente, honesto e assessorado por pessoas que também sejam competentes e honestas.
O Ministro da Defesa pode reunir essas qualidades, não o conheço para fazer juízo de valor, mas nesse caso será um bom candidato, todavia se a candidatura se basear na sua atuação contra a criminalidade em razão da decorrente visibilidade ganha na imprensa, não terá meu voto.
  
"Jornal O Globo
Ministro da Defesa, Jungman avalia disputar governo do Rio em 2018 
Ele também foi convidado a disputar o Senado em aliança com o PSD (Leiam mais).

Juntos Somos Fortes! 

MEGAOPERAÇÕES - IMPRENSA COBRA QUE FUZIS NÃO SÃO APREENDIDOS

Prezados leitores, a imprensa tem destacado que nas megaoperações não tem sido apreendidos fuzis.
Por que a imprensa está tão surpresa?
Será que não conhecem o modus operandi dos traficantes de drogas?
Peço que assistam o vídeo a seguir com trecho de novela das Organizações Globo.


video


Juntos Somos Fortes!

UPPs - IMPRENSA DEVE TER ERRADO AO NOTICIAR 3.000 PMs



Prezados leitores, tudo indica que o jornal Extra se equivocou na matéria sobre a reestruturação das UPPs com a saída de 3.000 PMs do projeto.
Na matéria consta:

"A Polícia Militar anunciou, na tarde desta terça-feira, que 3 mil policiais que atualmente cumprem funções administrativas nas Unidades de Polícia Pacificadora (UPP) serão enviados para as ruas (Fonte)".

Obviamente não existem 3.000 PMs atualmente em atividades administrativas nas UPPs.
Isso significaria que quase um terço do efetivo empregado nas UPPs não está na atividade fim.
Penso que a informação deva ser corrigida para que a população não fique com uma opinião errada sobre a reestruturação das UPPs.

Juntos Somos Fortes!

JANOT PEDE FASTAMENTO DE GILMAR MENDES E ANULAÇÃO DE DECISÕES

Prezados leitores, torço para que o exmo ministro do STF Gilmar Mendes seja afastado.
Salvo melhor juízo, em ato praticado por servidor público, não basta que ele atenda ao princípio da legalidade e no caso específico, a moralidade foi ferida de morte.

Ministro Gilmar Mendes

Carta Capital 
Política 
Operação Lava Jato 
Janot pede afastamento de Gilmar do caso Eike. 
por Redação — publicado 09/05/2017 09h48, última modificação 09/05/2017 09h48 
Com arguição de impedimento, PGR afirma que ministro do STF não tem isenção e pede nulidade das decisões proferidas por ele (Leiam mais)".

Juntos Somos Fortes!

terça-feira, 22 de agosto de 2017

98 - O EXTERMÍNIO DE POLICIAIS MILITARES E A INÉRCIA DO GOVERNO



Prezados leitores, hoje foi assassinado no estado do Rio de Janeiro o nonagésimo oitavo Policial Militar no curso de 2017.
Enquanto os Policiais Militares são feridos e assassinados (de folga ou de serviço) não percebo nenhuma ação por parte do governo estadual para minimizar essa tragédia que está destruindo tantas famílias.
O que percebo é o aumento contínuo da ousadia dos criminosos.
Caso a minha avaliação esteja errada, ou seja, o governo está fazendo algo de concreto para deter essa barbárie e eu não estou conseguindo enxergar, peço que me corrijam postando comentários.

"Jornal Extra
22/08/17 16:36 Atualizado em 22/08/17 18:10 
Polícia investiga morte de PM após ele ser sequestrado na Baixada Fluminense 
Rafael Soares 
A Polícia Civil investiga a morte de um policial militar, identificado como Thiago Rodriguez da Silva, no Jardim Nova Era, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O assassinato foi confirmado pela PM. O corpo do cabo PM, lotado na UPP Tabajaras, foi encontrado dentro de seu carro — um Celta branco — na Rua Leonardo Sender, próximo ao campo do Flamenguinho, no Jardim Nova Era, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Ele estava de folga no momento do crime. O corpo tinha marcas de perfurações feitas por armas de fogo.Thiago é o 98º PM morto no Rio em 2017 (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

ERRO DA GESTÃO BELTRAME COMEÇA A SER CONSERTADO - 3.000 PMs SAIRÃO DAS UPPs

Prezados leitores, não vou me estender  no comentário sobre a matéria considerando que desde 2009 avisei que as UPPs seriam um grande fracasso, tendo inclusive publicado um livro sobre o tema.
Vale lembrar que será preciso um planejamento minucioso para remanejar esse efetivo, evitando expor os Policiais Militares que ficarão a riscos maiores.




"Jornal O Globo
Secretaria de Segurança anuncia realocação de 3 mil PMs de UPPs para patrulhamento ostensivo nas ruas 
Policiais serão levados para áreas onde índices de violência são maiores 
RIO — A secretaria estadual de Segurança anunciou nesta terça-feira que vai realocar 3 mil policiais militares das Unidades de Polícia Pacificadoras (UPP) para área estratégicas do Rio. De acordo com o comandante-geral da Políca Militar, Coronel Wolney Dias, o reforço será realizado em áreas onde os índices de violência são maiores (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

RIO - DIFICULDADE DAS FORÇAS FEDERAIS DEVE PROMOVER VALORIZAÇÃO DAS FORÇAS ESTADUAIS



Prezados leitores, as dificuldades que estão sendo encontradas pelas forças federais para obtenção de resultados nas megaoperações contra o tráfico de drogas, considerando a relação custo-benefício, deve servir como parâmero para valorizar os Policiais Militares e os Policiais Civis do estado do Rio de Janeiro, eles que sem estrutura têm enfrentado durante décadas o poder dos criminosos que estão encastelados em comunidades carentes, ultrapassando inclusive os limites de suas missões constitucionais.
Valorizar os policiais é passo essencial para melhorar o controle da violência no Rio de Janeiro.
Penso que seja o momento do governo federal e dos governos estaduais implantarem mudanças que garantam uma melhor qualificação e valorização dos Policiais Militares e dos Policiais Civis.

Juntos Somos Fortes!

RIO - VIOLÊNCIA 7 X 1 EDUCAÇÃO



Prezados leitores, optei por usar o placar do maior vexame do futebol brasileiro (Alemanha 7 x 1 Brasil) para expressar a goleada que a educação pública está sofrendo em consequência da luta contra os traficantes de drogas, diante da necessidade de fechar escolas em algumas comunidades por tempo indeterminado.
Escola sem alunos significa país sem futuro e tal tragédia reforça o pedido que fiz neste espaço para que as pessoas de bem que residem nas comunidades carentes no sentido de que denunciem com segurança (anonimamente) onde se homiziam os criminosos que dominam as comunidades e onde escondem seus armamentos.
As pessoas de bem devem pensar no futuro de seus filhos que está seriamente ameaçado não só pelos confrontos armados, mas também pela falta de aprendizado.

"Jornal O Dia
POR CONTA DA VIOLÊNCIA
Escolas do Jacarezinho e Manguinhos fecham por tempo indeterminado
De acordo com SME, 15 escolas serão fechadas e outras 11 farão horários alternativos para não expor alunos a riscos de tiroteios (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

RIO - MEGAOPERAÇÕES - A MONTANHA ESTÁ PARINDO RATOS ( ? )



Prezados leitores, considerando o que foi anunciado pelo governo federal com toda pompa e circunstância sobre as operações contra o crime que seriam realizadas no estado do Rio de Janeiro e o resultados das megaoperações realizadas até o momento, alguém poderá estra achando que "a montanha está parindo ratos".
Sem dúvida, os custos de cada uma delas é altíssimo e os benefícios (resultados) obtidos parecem não corresponder. Assim como, ficam evidentes as dificuldades enfrentadas pelas forças federais.
Ouso expressar que essa avaliação pode ser precipitada, sobretudo se houver continuidade.
A continuidade, apesar dos custos, salvo engano, será o grande diferencial entre abalar seriamente a estrutura do tráfico de drogas ou apenas provocar alguns arranhões, logo cicatrizados.
E, não posso imaginar que com tantas autoridades envolvidas não tenha sido feito um planejamento de longo prazo, prevendo a continuidade das operações.
Se estiver certo com relação ao planejamento e à continuidade inserida nele, aposto na vitória dos mocinhos.

Juntos Somos Fortes!

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

RIO - ESTADO BRASILEIRO SUBJUGADO PELO TRÁFICO DE DROGAS

Prezados leitores, o Estado Brasileiro precisa pedir autorização aos traficantes de drogas para que os Policiais Militares possam ingressar em comunidades carentes.
Uma vergonha!

governador Pezão e presidente Temer


"Jornal O Globo
PMs precisam até de aval do tráfico para entrar em sete favelas com UPPs
Com formação deficiente, agentes são impedidos de entrar até em becos e vielas, como ocorre na Rocinha 
VERA ARAÚJO E DAYANA RESENDE 
20/08/2017 4:30 / atualizado 20/08/2017 7:15 
Na Vila Cruzeiro, na Chatuba e no Parque Proletário da Penha — no Complexo do Alemão —, e também no Caju, na Mangueira, no São Carlos e na Rocinha, o estado voltou a perder o controle do território, num retrocesso à era pré-UPPs. Em alguns casos, os policiais são impedidos de entrar até em becos e vielas, como ocorre na Rocinha. Lá, o acesso deles é restrito às vias principais. 
Os policiais também são proibidos pelo tráfico de usar o celular. Se os criminosos percebem o uso do aparelho, passam em carros com o cano do fuzil do lado de fora da janela e simulam a retirada do pino de granadas para intimidar a tropa (Leiam mais). 

Juntos Somos Fortes!