BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

BRASIL CONSTRÓI A GERAÇÃO - (E)


Prezados leitores, quem ainda não ouviu nada a respeito das gerações baby boomer, X, Y e Z (Link)?
São classificações utilizadas para agrupar jovens que reúnem características comportamentais comuns, relacionadas com o desenvolvimento tecnológico do seu tempo, isso a partir da década de 60.
Na maior parte das vezes que lemos ou ouvimos sobre elas o tema primordial são as diferenças de cada categoria no ambiente de trabalho, mas eas diferenças extrapolam o ambiente profissional.
As categorias em referência estão representadas nas gerações de brasileiros, sendo que o país criou uma categoria diferenciada: a - (E).
Onde o "E" significa educação pública de boa qualidade.
A geração - (E) agrupa os brasileiros que não tiveram acesso a tal educação.
Como nas outras gerações, essa tem suas características próprias, sendo que a característica mais marcante é a incapacidade de formar a própria opinião.
São milhões e milhões de brasileiros que não possuem o ferramental indispensável para interpretar os fatos do cotidiano, relacioná-los entre si e tirar conclusões a partir deles.
É uma geração que embora faça uso da tecnologia, não a emprega para adquirir conhecimento.
Usa de forma recreativa, vivendo dentro de seus celulares.
A incapacidade de formar a própria opinião, obriga aos integrantes da geração - (E) a assimilarem opiniões alheias, as quais repetem como se fossem as suas próprias.
Deu no Facebook ou no Twitter é suficiente para ser verdade e passar a ser usado por eles.
São multiplicadores de ideias alheias, inclusive das ideias erradas.
Habitam as redes sociais e tratam de todos os assuntos, apesar de a maioria não ter lido uma linha sobre eles.
São repetidores humanos.
A geração - (E) é facilmente manipulável, o que a faz vítima preferencial de quem deseja espalhar inverdades aproveitando a instantaneidade da informação via internet.
Uma grande baboseira é transformada em verdade em questão de minutos, após milhões de compartilhamentos.
Algo sem a menor importância, como o novo namorado da atriz famosa, se transforma em viral em poucos segundos.
Uma informação completamente sem importância, um conhecimento inútil.
Os políticos adoram a geração - (E), inclusive fazem o possível para que o acesso à educação pública de boa qualidade seja cada vez mais difícil.
Uma postura natural (esperada), considerando a péssima qualidade da política no Brasil, onde inexiste qualquer liderança política positiva.
Alguns identificam a geração - (E) como sendo a integrada pelos analfabetos funcionais, nós concordamos que eles integrem a geração, mas consideramos o caso mais grave.
O Brasil está formando gerações e gerações de cidadãos incapazes de formar opinião a respeito dos fatos do seu dia-a-dia, isso é uma tragédia sem precedentes na história da nossa civilização.

Juntos Somos Fortes!

2 comentários:

  1. Toda ditadura comunista imbeciliza a população. É a única forma de se manterem no poder sem revolta popular.

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente o Brasil já era!
    Até o estado islâmico já tem gente aqui.
    As Farc circulam livremente em território nacional.
    Professores imbecilizam ao invés de ensinar, os jovens hoje crescem sobre forte doutrinação comunista, só quem tem personalidade forte consegue se manter são no meio dessa imbecilizão!

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.