Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

quinta-feira, 9 de abril de 2015

RIO: O PROBLEMA DA SEGURANÇA PÚBLICA É O GESTOR.


Prezados leitores, enquanto o gestor da segurança pública no Rio de Janeiro for o delegado de Polícia Federal Beltrame, preferimos encerrar a publicação de artigos com temas relacionados ao assunto.

Juntos Somos Fortes!

5 comentários:

  1. De acordo. Mesmo porque o que havia de ser escrito e criticado já foi feito exaustivamente e até um livro foi publicado a respeito. Com efeito, torna-se cansativo o sr ficar repetindo a mesma cantilena sobre os desmandos do desgoverno cabral-pezão-beltrame na área da Segurança Pública. Mas não há como deixar de continuar escrevendo sobre a PMERJ, o sr concorda?

    ResponderExcluir
  2. Reduzir a maioridade penal para 16 anos não vai resolver o problema da segurança pública no país, mas com certeza vai diminuir a impunidade e ajudar a combater a criminalidade. Se um jovem de 16 anos pode votar, pode também responder por seus atos.

    ResponderExcluir
  3. "Quando o Estado abandona seus servidores, deixando-os à mercê do outro lado, é porque, muito provavelmente, o Estado está do outro lado." (Giovanni Falcone, Juiz italiano especializado em processos contra a máfia siciliana Cosa Nostra) https://www.youtube.com/watch?v=SgiGEx2pwFM

    Vejam esse vídeo de Adriana Vandoni comentando as causas da violência generalizada e uma pesquisa sobre ela realizada pela Universidade de Stanford (EUA) conhecida como a teoria das janelas quebradas. https://www.youtube.com/watch?v=jK2wP2AHvRw

    A "TEORIA DAS JANELAS QUEBRADAS" concluiu que se uma janela é quebrada e não é imediatamente consertada, a população passará a pensar que não existe autoridade responsável pela ordem ali. Com isso, em instantes todas as outras janelas estariam destruídas, levando à decadência daquele espaço urbano e criando terreno propício para a criminalidade. Existe, portanto, uma relação de causalidade entre desordem e criminalidade. Se uma comunidade exibe sinais de deterioração e isto parece não importar a ninguém, então ali se gerará o delito. Os delitos menores tem que ser reprimidos para que se iniba a prática de delitos mais graves. Se se cometem 'pequenas faltas' e as mesmas não são sancionadas, então começam as faltas maiores e logo delitos cada vez mais graves.

    “Uma instituição policial é conseqüência do seu treinamento; da qualidade dos seus professores. Treinamento não é gasto, é investimento” (Giraldi)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa pesquisa norteou a política do ex-Prefeito de Nova Yorque Rudolph Giulliani e o Programa Tolerância Zero. Existem alguns livros a respeito.

      Excluir
    2. bem, creio que a questao de segurança publica so va minorar nesta cidade se mexerem na constituição para que diante a conjuntura real do dia a dia um secretario como beltrame nao pareca o dono da cidade e de muito abandono ainda. gostaria de saber se o sr. conhece o bairro do engenho novo e ate onde, um retorno a esta questao me sera de valor.

      Excluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.