Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

segunda-feira, 20 de junho de 2016

O QUE LEVA UMA PESSOA A ESCREVER ISSO...

Prezados leitores, a internet permite a prática do anonimato.
O anonimato anula a liberdade de expressão, algo que a maioria desconhece.
Qualquer internauta pode se passar por outra pessoa, portanto não podemos considerar como verdadeira a identificação constante no comentário feito no jornal O Dia (Marcelo Bulhões - PUC-RJ).
Na verdade não podemos nem mesmo considerar como sendo um comentário autêntico em virtude da imensa possibilidade de montagens.
O fato indiscutível é que as tolices contidas no texto são fruto da mente desinformada (ou doentia) de alguém.




Vale lembrar ao autor(a) a frase: "a polícia é um termômetro que mede o grau de civilização da sociedade"
As polícias são constituídas por cidadãos brasileiros.
Elas são o reflexo do grau de civilidade do povo, nem mais, nem menos.
Os nossos políticos que assaltam os cofres públicos e os nossos jogadores de futebol que simulam faltas para enganar a arbitragem têm idêntica origem.
De tudo isso cabe à Polícia Civil investigar a autenticidade da autoria do comentário e cabe à Polícia Militar registrar o fato e, oportunamente, solicitar o resultado das investigações.

Juntos Somos Fortes!

4 comentários:

  1. Ser abordado a base de porrada?
    Ter seu dinheiro tomado na marra, mesmo estando certo?
    Ter perdido um ente querido por impericia?
    Ter acenado para uma viatura em um momento de necessidade e ser ignorado?
    Ter ligado pro 190 e ficar esperando até nunca?
    Mas tudo isso na polícia da Krakozhia

    ResponderExcluir
  2. Isso não será feito Coronel, os comandantes da PMERJ não estão nem aí pra imagem da corporação, não defendem nem a tropa nem a corporação!
    Por isso ainda existe esse tipo de comentário, matérias jornalísticas tendenciosas, posts caluniosos de Marcelo Freixo aos PMs, e etc...
    Se o comando processasse o primeiro que caluniasse a tropa bem como a corporação, ninguém teria essa coragem mais!
    Só pra esclarecer, sitei o Freixo pois o mesmo acusou PMs de executarem um garoto de 12 anos em uma favela no RJ. Mais tarde ficou provado que o garoto atirou na guarnição.

    ResponderExcluir
  3. Os caras não tem condições adequadas para o trabalho.
    Não tem salário.
    Não tem apoio da imprensa.
    Não tem apoio do governo.
    Não tem apoio popular.

    Você entra na internet, quase todo dia, quilos e quilos de drogas apreendidas, dezenas de armas apreendidas, dezenas e as vezes até centenas de veículos recuperados.
    De onde vem a motivação desses homens, por que eles não pararam?
    O que será capaz de deter esses homens de azul?
    Parece que nada para eles.

    Reflitam sobre isso, é ou não é impressionante!?

    ResponderExcluir
  4. Caros amigos, apesar de todas as dificuldades a policia e a unica instituição que de fato trabalha, mesmo cometendo alguns erros ( e quem não erra ?) Alguem por acaso conhece uma pessoa sequer que ao ser assaltado deixa dd chamar a policia e procura um vizinho ou amigo?
    Quando a gravida vai dar a luz a primeira coisa que faz e ligar 190.
    A casa desabou, o carro deu problema, o cavalo esta na rua, entre outros problemas que não são problemas da policia mas e atraves do 190 que a população encontra ajuda, o povo reclama da policia, queria ver ficar uma semana sem ela.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.