Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

domingo, 19 de outubro de 2014

OS PRINCIPAIS MOTIVOS PARA NÃO VOTAR EM PEZÃO



Prezados leitores, a seguir comentamos alguns dos incontáveis motivos para o eleitor fluminense NÃO VOTAR EM PEZÃO:

PRINCIPAIS MOTIVOS PARA NÃO VOTAR EM PEZÃO
Um livro poderia ser escrito facilmente só com os motivos para NÃO VOTAR no atual governador Pezão, mas isso não seria produtivo, assim sendo, preferimos produzir uma apertada síntese e elencar alguns motivos que consideramos os principais para NÃO VOTAR EM PEZÃO.
Devemos salientar, antes de elencar os motivos para NÃO VOTAR EM PEZÃO, que consideramos só existirem três motivos que possam levar alguém a votar em Pezão:
1) Levou algum tipo de vantagem nesses últimos oitos anos na relação com o governo Cabral-Pezão.
2) É desinformado, ou seja, não sabe o que ocorreu no Rio de Janeiro nesses oito anos.
3) É mal informado, nesse caso acredita na parte da imprensa que é parceira do governo ou acredita no contido nas propagandas eleitorais.
Preâmbulo encerrado, apresentamos os principais motivos para NÃO VOTAR EM PEZÃO:

1) VIOLAÇÃO DO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO
O governo Cabral-Pezão usou e abusou em violar os direitos e as prerrogativas dos Bombeiros e dos Policiais Militares que lutavam por salários justos e por adequadas condições de trabalho. Culminando por ilegalmente encarcerar Bombeiros e Policiais Militares honestos (só honestos lutam por salários, pois vivem dele, vale lembrar) na Penitenciária Bangu 1.

2) ESCÂNDALOS
Os escândalos povoaram todo o governo Cabral-Pezão.
Só para citar alguns nomes, lembramos o recente escândalo que envolveu o deputado federal Rodrigo Bethlem (PMDB), parceiro de Paes, Cabral e Pezão, mas não podemos esquecer que estão sendo acusados de improbidade administrativa os seguintes homens fortes do governo: Régis Fichtner e Beltrame (esses dois também por superfaturamento de contratos), assim como, Afonso Monerat e Hudson Braga..

3) DESRESPEITO À POPULAÇÃO
Quem não lembra das farras na Europa e da "Turma do Guardanapo"?
A ostentação das festas luxuosas, enquanto a população morria nas filas dos hospitais.
Quem não lembra do cachorro Juquinha do governador Sérgio Cabral passeando no helicóptero oficial do governo do Rio de Janeiro, enquanto a população padeceu nesses oito anos em transportes públicos precários.
Quem não lembra do descaso com as vítimas da Região Serrana e do Morro do Bumba?

4) INCOMPETÊNCIA
A incompetência é a marca registrada do governo Cabral-Pezão.
A dupla teve apoio total do governo federal e da riquíssima prefeitura do Rio de Janeiro.
Nunca antes na história desse país um governo do Rio de Janeiro teve tanto apoio.
Apesar disso o governo não conseguiu superar nem a marca da mediocridade (ficou abixo da média) e o ex-governador saiu do Palácio Guanabara  com o maior índice de rejeição popular da história, não esqueçam.
O "FORA CABRAL" (o que deve ser lido também como "FORA PEZÃO) ganhou as ruas nos protestos e o governador só não foi expulso do Palácio Guanabara porque colocou a PM para reprimir duramente o povo que várias vezes cercou a sede do governo.
O fracasso nos transportes, na educação e na saúde são evidentes, porém foi na área da segurança pública que o fracasso foi maior.
O governo Cabral-Pezão municipalizou a segurança (só atuou na Capital) não "pacificou" nenhuma comunidade e ainda distribui criminosos por todo estado do Rio de Janeiro.
Um completo fiasco,  apesar de ter incorporado mais de 10.000 novos Policiais Militares, de ter o apoio da Força Nacional de Segurança e das Forças Armadas.
Isso sem falar no apoio incondicional de parte da imprensa que noticiou até distribuição de lanches sendo feita em UPP pelo próprio secretário de segurança Beltrame.
A violência está em todos os lugares.
Eis o real legado Cabral-Pezão-Beltrame.

5) COVARDIA
Na ânsia cega de se reelegerem a qualquer custo a dupla Cabral-Pezão jogou nas comunidades carentes jovens Policiais Militares inexperientes e mal formados, em UPPs sem qualquer infraestrutura, jovens que estão sendo mortos e feridos constantemente nos confrontos com os traficantes de drogas.

Prezados leitores, em apertadíssima síntese, enumeramos motivos mais que suficientes para NÃO VOTAR EM PEZÃO.
É hora de expulsar esse grupo da política fluminense, nós temos o dever de fazer isso por nós, pelos nossos filhos e nossos netos.
Viva o Rio de Janeiro!

Juntos Somos Fortes!

10 comentários:

  1. Com certeza Cel, temos o dever de expulsar essa corja do mal de nosso estado, falo isso com propriedade, pois sou Policial Militar e me sinto massacrado como todos os colegas de farda. Quando achamos que algo melhoraria com a criação do Proeis, eis mais uma artimanha fajuta do Governador Sergio Caral, com pagamentos atrasados, convênios que não pagam os PMs a 3 meses, ele conseguiu fazer com que os Policiais que, a priore, sentiram que estava nesse projeto o complemento do salário de fome que recebemos, transformaram a esperança em decepção em muito pouco tempo. Eu mesmo parei de fazer o convênio SEEDUC por que não tem uma data certa de pagamento, quando pagam parece que estão fazendo um favor ou dando esmola, o Policial gasta passagem ou combustível, no seu dia de folga, para trabalhar 12h e só receber o mês inteiro de trabalho somente um mês depois, no dia 29 ou 30 do mês seguinte, isso é um absurdo com toda a folha de pagamento informatizada esse pagamento não era para passar do dia 15 de cada mês, o que nos dá para supor e desconfiar de várias coisas, sem falar no desconto criminoso do imposto de renda, que faz uma jornada de 12h cair de ilusórios R$225,00, para R$160,00, isso é um absurdo e muito sofrimento, por motivo desse atraso desisti do projeto que me parece bom, mas gerido por essa corja que está no governo não dá, então decidi vender doces e bolos com minha esposa, ralo bastante na entregas mas ganho mais e estou sempre com minha família.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tristeza, mas é a realidade. Quando implantaram o RAS e SEEDUC eu avisei a todos os colegas, principalmente os mais novos, que este projeto era algo político que não tinha por objetivo beneficiar o policial como alardearam aos quatro ventos. Muitos me chamaram de pessimista, porque sabem que não acredito em políticos... Não faço questão de esconder. Porém, quase todos entenderam que o projeto somente beneficiaria "a política de segurança " dessa corja porque daria ao povo a sensação de mais policiais nas ruas. Começa que muitos batalhões usam o policiamento adicional para substituir o convencional, ou seja, seis por meia-dúzia, não acresce nada; depois, o pagamento é o que o companheiro comentou (aí em cima), ou seja, uma enganação, pois te dão com uma mão e tiram boa parte com a outra. Resumo: só a corja ganha. QUERO VER O GAROTINHO NO GOVERNO PARA VARRER TODOS OS ALIADOS DO CABRAL DA PM (para a geladeira).

      VOLTA GAROTINHO! FORA CABRAL E ALIADOS!

      Excluir
    2. Excelente artigo do Coronel Paúl. Cabral e Pezão tiveram todos os recursos oriundos da União e do Município para melhorar o Estado. Porém, fizeram o governo dos "amiguinhos" empresários e empreiteiros: o pouco que fizeram era pensando na propaganda para se eternizarem no poder. Se depender de mim, jamais serão simples vereadores. Estes dois mentirosos, mais os seus aliados da PM, acabaram com a PMERJ. Hoje, a PM está transformada, mutilada, enfraquecida e sem direção a seguir. Em relação ao Palácio Guanabara nos resta apoiar o Marcelo Crivela, pois o que queremos, funcionários públicos em geral, e todas as pessoas que foram às ruas protestar, é acabar com qualquer vestígio do Sérgio Cabral no poder do nosso amado Estado. O Pezão se faz de humilde, mas vive no Lebron. O Pezão se faz de santinho, mas está comprometido com "condenado em primeira instância pela Justiça".Por tudo isso, não dá para votar no Pezão que foi o vice do Cabral durante todo o desgoverno. Lembro muito bem do Cabral e do Pezão fazendo promessas em 2006. Cabral é Pezão e Pezão é Cabral. FORA CABRÃO! AGORA É 10!!! E se o adversário do Cabrão fosse um cone de sinalização, eu votaria no cone! Tudo, menos mais do mesmo de 8 anos.

      Excluir
  2. ALGUNS MOTIVOS PRA NAO VOTAR NESSES CANDIDATOS: PEZAO; CRIVELA E LINDBERG , TODOS ATE FEVEREIRO DESSE ANO, FAZIAM PARTE DO MESMO GOVERNO, OU SEJA, DO GOVERNO CABRAL, PORQUE SO AGORA DESCOBRIRAM QUE O GOVERNO E RUIM. EU EXPLICO: ELES GOVERNAM PRA ELES. PORTANTO, VAMOS TROCAR O GOVERNO. AGORA E 22! E CONFIRME VOLTA GAROTINHO!

    ResponderExcluir
  3. o senhor tem razão.

    ResponderExcluir
  4. FALTOU INCLUIR AS TRAGÉDIAS: MORRO DO BUMBA, REGIÃO SERRANA(2 vezes).

    ResponderExcluir
  5. Garotinho é o Escambal !!!!
    Tá Maluco !!!
    Na época dele Faltava tudo, vtr ferrada, não tinha combustível, condição de Trabalho nenhuma, sem com o MM rolando solto.
    Nojento quem vota Nele.

    ResponderExcluir
  6. que essas legiao de demonios. da um fora do rio.

    ResponderExcluir
  7. E O GOVERNO MAIS CORRUPTO DA HISTORIA DO BRASIL, POR MUITO MENOS O GOVERNADOR DE BRASILIA FOI CASSADO E PRESO. DEUS NAO PODE NOS ABANDONAR, A VITÓRIA VIRA PRA CRIVELLA. EM NOME DE JESUS!

    ResponderExcluir
  8. Senhores

    Vejam o que encontrei em minhas leituras na internet, será que não conseguimos multiplicar?

    http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2014/10/536538.shtml


    Será que não podemos mostrar nas propagandas ou debates a evolução da campanha do Cabrão e associá-la às falsas propagandas de coligação deles?

    Ocorre que, em função das pesquisas, ora ele publica galhardetes ao lado da Dilma, ora ao lado do Aécio. É só mostrar esta falsidade ideológica com as fotos e esclarecer o povo.

    Se ele não respeita e trai aqueles que bancaram os gastos do Rio nos últimos anos, o que será de nós?

    A Dilma deixou de apoiar candidato próprio para ser fiel à coligação com estes traidores e agora recebe este troco.

    Se a Dilma for reeleita precisa rever estes falsos apoios.

    Sds

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.