BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

PAÚL NELES! 15 OUT 2014 - 1a EDIÇÃO - O AUTORITARISMO NA UERJ

Prezados leitores, esse vídeo ultrapassou o tempo previsto para a série "PAÚL NELES!", em razão de conter imagens dos atos autoritários praticados por "alunos" da UERJ que impediram o lançamento do livro "Os Donos do Morro".





Juntos Somos Fortes!

11 comentários:

  1. MUITO BOA A POSTURA DESTE , JOVENS ,NÃO FOI POR CAUSA DO LIVRO FOI INDIGNAÇÃO , A UPP NÃO É DA CIDADE ELA DIVIDE A CIDADE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Upp é mais do velho com roupa nova.

      Excluir
  2. Alexandre, The Great15 de outubro de 2014 17:33

    Não são estudantes, pois não estudam. Estão na UERJ apenas para compor os chamados "coletivos", organizações anárquicas de viés comuno-fascista que são esbirros do pt e do psol. Daí saem os black blocs e os terroristas que matam jornalistas com bombas caseiras. São profissionais do caos, financiados pelos cartéis do tráfico de drogas das FARCs.

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkkk Alexandre vc está usando droga pesada!! o ato nao era contra o livro e sim contra a PM assassina do RJ e contra a upp que segue o mesmo molde de repressão!! e foi composto por vários estudantes, que estudam, participam dos coletivos, nao anarquistas, comunistas, alguns usam drogas (cerveja é droga), se assumem black bloc e nao assassinam ninguém!! ah e tem gente do Pt e do PSOL tbm! tem de tudo, mas fascista nao passa, com estes nao tem arrego!!!!

    ResponderExcluir
  4. Até entendo a indignação dessas pessoas, pois, de fato, a upp é um projeto ocupação militar. São décadas de descaso com o tema "tráfico". Sob o argumento de trazer a paz, o político apenas se serviu do assunto para adornar sua própria propaganda eleitoral. Além do mais, o culpado pela incompatibilidade entre cidadão e policial militar é o deputado constituinte de 1988 que não teve criatividade para redigir um capítulo sobre segurança pública que fosse compatível com uma Constituição Federal moderna. Em outras palavras, a sociedade evoluiu quando o cidadão que não podia nada foi coberto por direitos e garantias, mas a polícia parou no tempo e continuou sendo a mesma repressora combatente que apenas protege os interesses do governante.

    ResponderExcluir
  5. Não pode UPP, mas TRÁFICO pode. Afinal se as UPPs efetivamente conseguissem erradicar o tráfico das favelas, coisa que é impossível, pois a econômia da favela está atrelada ao tráfcico de entorpecentes e apopulação é extremamente conivente, estes marginais que se auto-intitulam revoluncionários, ficariam sem a maconha e sem a cocaínade cada dia.
    Outros pedem uma polícia compatível com uma constituição moderna, mas não sabem e não tem embasamento no que dizem, pois a constituição não é moderna, é decrépta, como o CP e o CPP. Por isso, entre outros fatores de aspectos culturais e sociais, é que tanto a violência como a corrupção estão institucionalizadas no país.
    A polícia reage com a mesma força proporcional a que é empregada contra ela. Bandidos não apenas ostentam fuzis, armas de guerra. Eles epregam efetivamente estas armas comtra policiais. além de granadas e táticas operacionais e psicológicas de guerrilha urbana.
    Não vejo estes protestos, que dizem que o tráfico tem que acabar, em favelas dominadas por facções onde as mesmas impõem a violência como forma de se estabelecer nos locais. Por quê será. Protestar contra a polícia, que tem sobre ela o peso das leis que o estado democrático impõe, é mole. Vão protestar na porta da boca de fumo, onde os marginais vivem à margem da lei e não tem regras, pra ver se o coro não come. vai descer todo mundo correndo debaixo de tiro de fuzi. Isto os que conseguirem sair com vida de lá.
    É muita hipocrisía.
    Dá nojo.
    E viva a Polícia Militar...
    Vida longa à PMERJ
    Ass: Sgt PM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara,em 1988 a CFRB era moderna sim! Aliás, uma das mais modernas do mundo. Hoje, 2014, ela está precisando de um monte de reformas. E era nessa época (88) que a PM deveria ter sido extinta, pois promulgaram a chamada constituição cidadã que trazia os direitos que a anterior não permitia. FIM DA PMERJ!

      Excluir
    2. Sgt PM, vá estudar um pouco! O que você defende é a guerra que te sustenta, né?

      Excluir
  6. Concordo com o Sgt PM em seu comentário e ainda acrescento que, quando em perigo, os mesmo que protestam contra a PMERJ a ela procuram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu discordo. Você conhece outra instituição que tenha a obrigação de realizar o policiamento ostensivo? Por favor, divulgue o número do telefone. Será um prazer não ter que ligar 190.

      Excluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.