Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

JORNALISTA MILTON NEVES ENTREVISTOU O PROMOTOR ROBERTO SENISE


Prezados leitores, ouçam a entrevista do jornalista Milton Neves com o Promotor Roberto Senise Lisboa sobre o escândalo do Brasileirão 2013.

"Terceiro tempo
Link:

A entrevista foi encaminhada por um leitor do nosso blog.
O promotor não deixa dúvida sobre alguém da Portuguesa ter levado vantagem para escalar irregularmente o jogador Heverton.
O fato é tratado até a metade da entrevista, quando o tema passa a ser a venda do Neymar e retorna ao final.
O fato é que muito tempo se passou desde a entrevista (27 de janeiro de 2014) e o Ministério Público de São Paulo ainda não deu publicidade aos resultados da investigação.
A revelação das conclusões não pode demorar anos, isso está gerando a maldita impunidade.
Os fatos ocorreram na última rodada do Brasileirão 2013.
O Brasileirão 2014 iniciou e acabou.
O Brasileirão 2015 está chegando na metade e nada de resultados.
O primeiro passo dos torcedores do Fluminense nessa luta foi a realização de uma grande mobilização nas redes sociais para defender o clube das acusações infundadas.
Vencemos!
Demos continuidade à mobilização, aguardando os resultados do Ministério Público de São Paulo por um ano e meio, mas nenhum resultado apareceu.
Então, resolvemos lançar o livro para não deixar a "Operação Abafa" colocar o escândalo no esquecimento.
O nosso próximo passo, salvo melhor juízo, deve ser criar uma nova mobilização nas redes sociais para solicitar que o Ministério Público de São Paulo revele os resultados.
Torcedores do Fluminense é hora de cobrar diariamente através do twitter os resultados. Um exemplo de mensagem: 

Senhores Promotores do @mpsp_oficial solicitamos a divulgação dos resultados das investigações sobre o Brasileirão 2013. Obrigado! 

Nós somos milhões de tricolores, devemos solicitar diariamente até que os resultados tenham publicidade.

Nós só queremos a verdade!

Juntos Somos Fortes!

4 comentários:

  1. Todoa falam que no dia do jogo todos sabiam que o flamengo tinha escalado o André Santos irregularmente, mas a direção do fluminense não foi informada por nenhum torcedor tricolor, estranho não?
    A grande pergunta é: Se o André Santos estava suspenso? Porque alguém no Flamengo bancou sua escalacao? A mando de quem? Com qual finalidade?
    Se houve armação como os tricolores juram que existe, a maracutaia começou no jogo de sábado.
    Nem o MB acredita em algo que não em erro.
    O Flamengo salvou o fluminense e a portuguesa o Flamengo.
    Mas se o Flamengo é forte no Tapetao como afrimam os tricolores porque não esperar o julgamento e ganhar do Fluminense no STJD?
    Resumindo foram2 erros mas como o Fluminense que culpar de ma fé o Flamengo inventaram essa história.
    Alem de sermos fortes na imprensa e Stjd , até no Ministério Público temis poder?
    So falta avisar os tribunais de recife, o STJ e o Supremo Tribunal, pois não ganhamos uma nesses tribunais.
    Ja o fluminense. ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comentário típico de quem não leu o livro.

      Por que o Pos Graduação não encomenda um pra tentar entender o que aconteceu naquele estranho fim de semana?

      Excluir
    2. Tenho munhas convicções Gilmar. Acredito em erro, não acredito em armações de nenhuma parte, porém se houve ela começa no sábado com a escalacao do Andre Santos. Talvez com alguém querendo derrubar o Bandeira?
      Uma vez que ha anos o meu clube não tinha oposição ativa, apesar das falcatruas dentro do Flamengo. Quanto ao fluminense, teve sorte.
      São os torcedores do Fluminense que acreditam nessas armações, portanto têm o ônus da prova.

      Excluir
  2. Pos Graduação, a sua teoria pode até ser válida, não a descarto.

    O que vemos hoje é uma guerra intensa entre os candidatos para as próximas eleições do Flamengo, com o apoio inclusive da Dilma ao Bandeira, talvez pelo fato dele ter sido diretor do BNDES, antes de virar presidente do clube.

    Se foi erro ou sabotagem, não sabemos ao certo. O fato é que para corrigi-lo a imprensa ocultou de todos a informação que o André Santos havia sido escalado de forma irregular.

    Se os jornais tivessem noticiado a bomba, os demais clubes teriam tido cuidado em não escalar ninguém assim, pois era a última rodada, ou seja, sem chance de consertar no campo de jogo.

    Em minha opinião, todos os clubes são sempre muito cuidadosos com isso, inclusive a Portuguesa. Mas, como não houve o alerta da imprensa, a Lusa se sentiu numa posição “confortável” para atender ao pedido rubro-negro.

    Vale realmente a pena você ler o livro do Coronel Paúl. Vai saber como tudo aconteceu de maneira bem estranha naquele fim de semana e nas seguintes, como o advogado da Gávea defendendo o seu rival (Lusa) nos julgamentos do STJD, algo impensável no mundo jurídico.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.