BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

VÍDEOS - BRASILEIRÃO 2013 - O CAMPEONATO MAIS MISTERIOSO DA HISTÓRIA DO FUTEBOL



Prezados leitores, enquanto continuamos lutando pela reabertura das investigações sobre o que denominamos como "O Escândalo do Brasileirão 2013", resolvemos publicar uma pequena série de vídeos contendo alguns dos mistérios que cercam o citado campeonato.
Nossa intenção é produzir vídeos com duração de poucos minutos, tendo em vista que todos os temas desse misterioso brasileirão já foram exaustivamente exibidos nesse espaço democrático na forma de artigos, de vídeos e de comentários dos leitores.
Nós destacaremos os principais mistérios para que ao final da série os leitores possam ter a convicção, afastados das paixões clubísticas, que realmente aconteceu algo de muito errado na última rodada e a amplitude das forças que promoveram tantos mistérios, os quais permanecem sem explicação palatável.
Os vídeos serão publicados diariamente, às 10:00 horas.
Como sempre fazemos, o espaço estará disponível para publicar qualquer comentário a respeito, sobretudo os que tragam possíveis explicações para os fatos insólitos que marcaram o Brasileirão 2013, o campeonato que ainda terminou não apesar de transcorridos mais de três anos da realização da sua última rodada. 

Juntos Somos Fortes!

3 comentários:

  1. Samuel contra o Bahia27 de fevereiro de 2017 16:36

    Boa tarde, Coronel Paúl.

    A imagem que o Sr. colocou neste artigo é a prova de que coisas muito estranhas aconteceram no caso Flalusagate.

    Como pôde o advogado do Flamengo defender a Portuguesa nos dois julgamentos, já que ela era concorrente da única vaga na série A existente, em claríssimo conflito de interesse?

    Outro ponto a ser esclarecido é a desculpa oficial de que o Héverton foi relacionado ainda na sexta-feira, portanto antes da escalação irregular do André Santos.

    Alguns clubes têm como regra fazer com que os jogadores suspensos treinem e se concentrem junto com a equipe, ficando de fora apenas na hora do jogo. Isso é feito para evitar que o jogador force a sua suspensão e com isso não viaje longas distâncias ou fique de folga durante os fins de semana que têm jogos.

    Normalmente, no dia anterior à partida (naquele caso, no sábado, 7/12/2013), há somente um recreativo, para que não ocorram lesões de última hora.

    No jogo em questão, ele não foi escalado como titular e sim relacionado como reserva, substituindo outro jogador no final da partida.

    A relação de jogadores só é preparada e entregue ao delegado do jogo, uma hora antes da partida.

    Como podia o Héverton estar relacionado desde sexta-feira, se a lista dos jogadores só ficou pronta e foi entregue às 16h do domingo?

    Por fim, até hoje ninguém provou que teve concentração da Portuguesa naquele fim de semana.

    O clube passava por dificuldades financeiras, sem dinheiro para pagar os salários e certamente os jogadores não teriam gostado de ficar concentrados para um jogo que já não tinha a menor importância para a classificação, além de ver o pouco dinheiro do clube sendo gasto com hotel, comida e bebida.

    ResponderExcluir
  2. https://pbs.twimg.com/media/C5tJNz-WAAIrLfl.jpg:large

    ResponderExcluir
  3. Boa noite, Coronel.
    Pra ilustrar o comentário do Samuel, segue a lista oficial de jogadores relacionados pro jogo Portuguesa x Grêmio.
    Ela foi entregue pelos dois times às 16h do domingo, 8/12/2013, bem depois do dia que os urubus ficam dizendo que o Héverton "já estava relacionado" pra partida.

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=641383559382019&set=a.231857090334670.1073741827.100005311420946&type=3&theater

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.