BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

MOTIM ? JORNAL O DIA COMETE GRAVE ERRO SOBRE MOBILIZAÇÃO DOS FAMILIARES DE PMs

video


Prezados leitores, parece que o temo voltou e estamos lendo as manchetes da imprensa que apoiava o governo Sérgio Cabral em 2008, quando classificaram uma caminhada ordeira e pacifica na orla da Zona Sul realizada por Policiais Militares e Bombeiros Militares como motim.
Um erro grosseiro.
Talvez na época, um erro intencional, fruto de um acordo com Cabral.
O título da matéria do jornal O Dia: Após motim de policiais no ES, Pezão pede reunião com cúpula da segurança do RJ 
No ES não está acontecendo nenhum motim de Policiais Militares.
"MOTIM" segundo o Código Penal Militar é:

Art. 149. Reunirem-se militares ou assemelhados: 
I – agindo contra a ordem recebida de superior, ou negando-se a cumpri-la; 
II – recusando obediência a superior, quando estejam agindo sem ordem ou praticando violência; 
III - assentindo em recusa conjunta de obediência, ou em resistência ou violência, em comum, contra superior; 
IV - ocupando quartel, fortaleza, arsenal, fábrica ou estabelecimento militar, ou dependência de qualquer deles, hangar, aeródromo ou aeronave, navio ou viatura militar, o utilizando-se de qualquer daqueles locais ou meios de transporte, para ação militar, ou prática de violência, em desobediência a ordem superior ou em detrimento da ordem ou da disciplina militar (Fonte)".

Não é isso que ocorre no ES, por favor, mais atenção.
Sanado o erro, eis a matéria:

 "Após motim de policiais no ES, Pezão pede reunião com cúpula da segurança do RJ
Intenção do governador é se informar sobre a suposta movimentação de famílias de policiais nas redes sociais e traçar a estratégia a ser adotada caso aconteça uma ação semelhante à registrada no ES
08/02/2017 13:02:13 - ATUALIZADA ÀS 08/02/2017 13:04:56
ESTADÃO CONTEÚDO
Rio - O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), convocou para esta quarta-feira, 8, uma reunião com a cúpula da segurança do Estado no Palácio Guanabara. O encontro terá a presença do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Wolney Dias, e do secretário de Segurança, Roberto Sá.
A intenção do governador é se informar sobre a suposta movimentação de famílias de policiais nas redes sociais e traçar a estratégia a ser adotada caso aconteça uma ação semelhante à registrada no Espírito Santo. No Estado vizinho, o motim de policiais militares já entrou no quinto dia e a situação ainda é tensa. Os policiais capixabas alegam que não podem sair dos quartéis bloqueados por familiares (Leiam mais)".

Juntos Somos Fortes!

Um comentário:

  1. SENHOR TEN. CEL PMES ALEXANDRE QUINTINO, vou dizer ao mundo que no Estado do Espírito Santo têm OFICIAIS que não se vendem a políticos em troca promoções, cargos, gratificações e outras benesses.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.