BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

PALESTRA DO CORONEL ÍBIS - NOVOS COMENTÁRIOS



Prezados leitores, a seguir publicaremos novos comentários sobre a palestra do Coronel PM Íbis, Comandante Geral da PMERJ, para os alunos do 3o Ano do Curso de Formação de Oficiais.
Quem não assistiu a palestra, basta acessar o link:

1) Anônimo
20 de novembro de 2014 16:42 
Inicialmente, gostaria de prestar-lhe minha sincera continência Coronel Paúl. Gostaria de resumir em apertada síntese como entendi a palestra do Comandante Geral, copiando as palavras de Afonso Celso "Porque Me Ufano do Meu País." "Consiste a minha primordial ambição em vos dar exemplos e conselhos que vos façam úteis à vossa família, à vossa nação e à vossa espécie, tornando-vos fortes, bons, felizes. Entre esses ensinamentos, avulta o do patriotismo. Quero que consagreis sempre ilimitado amor à região onde nascestes, servindo-a com dedicação absoluta, destinando-lhe o melhor da vossa inteligência, os primores do vosso sentimento, o mais fecundo da vossa atividade — dispostos a quaisquer sacrifícios por ela, inclusive o da vida. Embora padeçais por causa da Pátria, cumpre que lhe voteis alto, firme, desinteressado afeto, o qual, longe de esmorecer, — aumente, quando desconhecido, injustamente aquilatado, ou ingratamente retribuído, e, jamais, em circunstância nenhuma, vacile, descreia, ou se entibie. Mas cumpre igualmente que não seja um amor irrefletido e cego, e sim raciocinado, robustecido pela observação, assente em sólidas e convincentes razões. Não deveis prezar a vossa terra só porque é vossa terra, o que, aliás, bastaria. Sobejam motivos para que tenhais também orgulho da vossa nacionalidade. A natureza não constitui o seu exclusivo e principal título de vanglória. Ousa afirmar muita gente que ser brasileiro importa condição de inferioridade. Ignorância, ou má fé! Ser brasileiro significa distinção e vantagem. Assiste-vos o direito de proclamar, cheios de desvanecimento, a vossa origem, sem receio de confrontar o Brasil com os primeiros países do mundo. Vários existem mais prósperos, mais poderosos, mais brilhantes que o nosso. Nenhum mais digno, mais rico de fundadas promessas, mais invejável. Nas linhas que se seguem procurei demonstrar estes assertos. Não as inspira entusiasmo, mas experiência e estudo. Já me alonguei da quadra em que o entusiasmo domina. Mais de meio caminho da jornada está percorrido. Andei em demoradas viagens por grande extensão do orbe. Tenho lido e meditado muito, tenho sofrido duras decepções. E me sinto amigo do meu país, cada dia em grau superior ao do antecedente. Em nenhum outro, fixaria de bom grado o domicílio. Peço que me deitem aqui, somente aqui, para o sono supremo. Quereis saber os fundamentos desse culto? A leitura dos argumentos e fatos, adiante singelamente expostos, vo-lo mostrará. Avigorai, meus filhos, estes argumentos; juntai novos fatos a tais fatos; propagai-os; cultivai, engrandecei o amor pelo Brasil. Que a vossa geração exceda a minha e as precedentes, senão em semelhante amor, ao menos nas ocasiões de o comprovar. Quando disserdes: “Somos brasileiros!” levantai a cabeça, transbordantes de nobre ufania. Convencei-vos de que deveis agradecer quotidianamente a Deus o haver Ele vos outorgado por berço o Brasil." Meu Comandante Geral, certo de seu AMOR pela PMERJ e pelo ser humano, ao ouvir a palestra do senhor, deixo meu sincero desejo - adaptando parte do texto copiado - se dos ensinamentos do senhor colhermos algum fruto, descansaremos satisfeitos de havermos cumprido a nossa missão. Que DEUS o abençoe, Coronel Íbis!!! 

2) Anônimo
20 de novembro de 2014 16:56 
Caro Coronel Paúl, não sou, nunca fui e tão menos serei a favor da desmilitarização da PM. Nós vivemos sim uma guerra civil, onde grupos de marginais empregam armas e táticas de guerrilha urbana, ainda que de forma um tanto atrapalhada por vezes. Entendo perfeitamente que os coronéis, ainda que cheios de ideais patrióticos e de justiça pensem ao contrário, tem que comandar a tropa de modo que ajam sempre dentro dos preceitos da lei, pois se declarada e reconhecida pelo poder público uma guerra civil no país e, sobretudo no Rio, a vida dos civis e policiais perderá de vez o valor. Sou praça, Sgt Pm, contudo tenho total conciência da dificílima missão que é ser coronel da PM e comandar um batalhão operacional onde soldados, cabos, sargentos e tenentes saem diariamente para combater uma guerra e não podem agir como se verdadeiramente não estivessem lutando uma. Ser de uma força auxiliar como a PM e lutar uma guerra doméstica é infinitamente mais difícil do que lutar uma guerra convencional. Carregamos o peso da responsabilidade nas costas que um militar das FFAA jamais poderá imaginar o quão pesado é. O Brasil está caminhando pela mesma trilha que caminhou o México. O senhor tem dúvidas disto? Sabemos que o tráfico de drogas nunca acabará... nunca. E ainda se fará mais e mais violento gradativamente. O que atrapalha o combate à este tipo de crime, além da corrupção, do assustador aumento do número de viciados e das leis decréptas, é a política dominando as ações da polícia. Concordo com o senhor. A guerra civil já é uma realidade, e ninguém melhor do que as FFAA para combatê-la. Mas o que são as FFAA hoje, socateadas, mal treinadas e enfraquecidas por um governo TERRORISTA e corrupto como o PT? Coronel, se não me engano, mais de oitenta PMs foram mortos este ano no RIO, e ao meu ver isto não é uma coisa normal. É estatística de guerra. Civis morrem em guerra, inocentes morrem em guerra. Bandido tem que ser tratado como bandido, sob todos os aspectos. Bandido não é cidadão, não exerce cidadânia. Mas o país, a sociedade, a mídia os tratam como vítimas do sitema, como coitados que não tivera oportunidade. E eu e o senhor, melhor do que eu, sabe que isto não é direito. Não quero dizer que o coronel Ibis tem que ser uma espécie de Lenin, Mussolini ou Hitler. Mas um discurso de ONG de direitos humanos pode não ser bem interpretado pela tropa. Pelo menos no meio de uma guerra civíl, não. Atenciosamente, Sgt Pm. Um grande admirador do senhor. 

3) Anônimo
20 de novembro de 2014 16:16 
Todo AL-OF chega ao primeiro ano da academia já imaginando o dia em que será o comandante geral. É isso que interessa a qualquer oficial: chegar ao último posto e ocupar a cadeira principal. O problema da violência no RJ nasce na educação das pessoas, no tráfico de entorpecentes e armas (sem resolver isso, nada será resolvido). Pode trocar comandante, pode trocar secretário... Não vai melhorar nada! O crime continua crescendo porque as medidas contra ele não chegam nas causas, apenas em algumas consequências. Então sou obrigado a perguntar: "os combates" do BOPE, CHOQUE, GAT, PATAMO resolveram alguma coisa nos últimos 30 anos? Não! O problema é federal, e assim deveria ser tratado. A PM vai continuar secando gelo ao apreender material entorpecentes e armas (ao invés de patrulhar as ruas de maneira ostensiva); os PMs vão continuar morrendo ou sendo mandados aos presídios (assim como os bandidos pés-de-chinelo); a cocaína, a maconha, o crack e as armas continuarão atravessando as fronteiras para viabilizar a violência nos estados da federação. Quando o governo federal usar seus recursos, seu congresso nacional, sua polícia e suas forças armadas para cuidar da segurança pública (sem teatrinho eleitoreiro), talvez surjam novidades que diminuam a violência. Polícia não é bombeiro, não é assistente social, não é legislador, não é político. Polícia é polícia, e, no caso, deveria ser POLÍCIA OSTENSIVA e mais nada. Quem deveria estar preocupada em apreender material ilícito, combater o crime, é a polícia civil e federal. O RESTO É CONVERSA FIADA, É FLERTAR COM O ELEITOR E ASSEDIAR O PODER QUE GERA RIQUEZAS. Sgt Foxtrot

Juntos Somos Fortes!

10 comentários:

  1. UM LIDER DE VERDADE LUTA PRIMEIRAMENTE, PELOS SEUS LIDERADOS. SÓ PASSAREI A ACREDITAR EM UM COMANDANTE GERAL, QUANDO EM PRIMEIRO LUGAR ELE DEFENDER O NOSSO DIREITO, AFINAL ROUBAM AS NOSSAS FOLGAS, TOMAM A NOSSA LIBERDADE, E AMORDAÇÃO A NOSSA BOCA, PARA NOS TRANSFORMAR EM ESCRAVOS SUBMISSOS E SEM ANIMO PARA VIVER. SÃO ELES PIORES ATÉ QUE OS BANDIDOS, QUE NOS ATACA PELA FRENTE EM QUANTO SOMOS AMARRADOS POR ESSES CORONÉS. SÓ QUEM É PM SABE O QUE PASSAMOS, TEMOS A PIÓR ESCALA DE SERVIÇO POR VÁRIAS VEZES PASSAMOS DA HORA EM OCORRÊNCIAS, E TEMOS QUE DEPOR EM NOSSAS FOLGAS, SOMOS OBRIGADOS A FAZER AVERIGUAÇÕES E AINDA TEMOS QUE IR AO BATALHÃO TODA VES QUE O COMANDANTE ASSIM DECIDIR, SEM QUALQUER REGRA, E SEM RECEBER NADA POR ISSO, SE POR NA PONTA DO LÁPS, PERDEMOS COM ISSO ALÉM DO NOSSO TEMPO, UMA BOA PARTE DO QUE GANHAMOS DE SALÁRIO,

    ResponderExcluir
  2. Policial Militar, você sabe para que (e a quem) você serve?
    "O segredo da da existência humana reside não só em viver, mas também em saber para que se vive".
    (Fiódor Dostoievski)

    ResponderExcluir
  3. Já vi esse filme quando o Mário Sérgio chegou ao poder cheio das filosofias e das tecnologias da informação. Como ele foi embora? Igualzinho a todos os outros, pelos fundos. Aproveite seus quinze minutos de fama, moço.

    ResponderExcluir
  4. Sou o anônimo das 16:42.Gostaria de dizer que sou Subtenente da PMERJ e, não discordo dos comentários dos colegas, porém, sou otimista, nada adianta olharmos para os problemas sem aproveitarmos as oportunidades que se apresentarem, no caso, vejo de forma clara um Coronel Comandante Geral com um discurso inteligente,humano e CORAJOSO; convenhamos que atualmente para falar a verdade como ele falou é preciso ter CORAGEM.
    Cabe ressaltar, que conhecemos o terreno, os inimigos, seus estratagemas e conhecemos nossa força, não é salutar desprezarmos nossa inteligencia, haja vista, os nossos próprios comentários, eles são provas incontestes que existem policiais de verdade na PMERJ.
    Pelo exposto, deixo uma humilde sugestão;unamo-nos nós, profissionais honestos, compromissados sobre tudo com nossa consciência, com nosso Comandante Geral.Podemos virar o jogo, ele pode significar o primeiro gol.Não percamos a esperança, ela não é a ultima que morre.Não!A esperança nunca morre!A mudança começa por mim e você, fale com seus subordinados sobre bons exemplos de profissionais que você conheceu, apresente-se como um deles.Fale sobre os maus, conte o desfecho da história das duas partes, mostre para eles que é melhor "o sono do trabalhador que as riquezas dos ímpios(corruptos)".A PM precisa de pessoas como nós, nós precisamos da PM, por tanto, unamo-nos!!!
    Quem sabe a partir de uma palestra destas, possamos postar sem medo ser como ANÔNIMOS.
    Minha continência a todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns, amigo! É exatamente disso que precisamos: unidade, coesão, uma corrente de gente do bem se apresentando para ajudar a modificar o quadro atual que é de total descrédito por parte da sociedade e desesperança por parte da tropa, e quem sabe assim os "maus" acabem vencidos pelos "bons". É por colegas como você que eu ainda não desisti de gritar, mesmo que anonimamente.
      JSF
      Sgt Foxtrot

      Excluir
  5. Esse foxtrot escreve,escreve ,escreve e acaba falando pouco. Falou o que todo mundo sabe.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo de 01:37, desculpe-me, não concordo com você.Talvez você seja um daqueles que quando discutíamos sobre promoções ofendia colegas e escrevia bobagens como essa.
    Em segundo lugar, acho que deveria aproveitar este espaço para produzir algo de bom, pessoas que só criticam as outras como você -só criticam- normalmente o fazem por falta de argumentos.Sugiro que se empenhe em ser mais visionário, leia um pouco mais, assim com certeza terá argumentos para travar um dialogo inteligente e, não vai precisar fazer tão somente criticas destrutivas.
    Ressalto, que não quero te acabrunhar, só penso que comentários sem argumentos, de uma linha só como os seus, não somam só subtraem.
    Finalizo, parabenizando o Sgt Foxtrot pelos comentários inteligentes que vem fazendo neste espaço.
    Ao patriota Coronel Paúl, minha continência.
    Subtenente consciente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Subtenente Consciente!
      Precisamos aproveitar a iniciativa do Coronel Paúl (ter criado o Blog) da melhor maneira possível, soltando a voz contra as coisas que consideramos erradas, pois não há outro canal na mídia destinado aos assuntos policiais militares pela ótica de policiais militares, e o nobre Subtenente e tantos outros colegas têm feito exatamente isto: usado a voz em prol da PM aqui no blog apresentando a opinião livre, coerente e responsável. Não se aborreça por causa desse rapaz aí. Ele ainda vai amadurecer como policial militar e como pessoa (se é que ele é PM), pois a vida vai se encarregar dessa missão. Um dia ele verá que apenas ter sido "o brabão" não serviu para muita coisa. Nós, praças, fomos os idiotas úteis durante décadas porque fugíamos das leituras, dos debates, e do respeito a nós mesmos. Hoje, graças a Deus, a coisa está diferente porque aprendemos a pensar. No geral, a tropa está deixando de ser massa de manobra porque tem uma visão de mundo bastante apurada (e isso é bom). A tropa está pensando mais e pensando com maior qualidade; Com pouco mais de tempo conseguiremos nos livrar dessa alface onde permanecemos amarrados para malfeitores nos usarem como ponte para a realização de seus projetos pessoais.
      Minha continência a todos que desejam uma PMERJ melhor, JSF!
      Sgt Foxtrot

      Excluir
  7. MASSA DE MANOBRA?! Continuará sendo, tá ai Pezão e Dilma eleitos...
    ESPERANÇA?! Esse é apenas mais um Cmt como todos os outros, chega com esse discurso de que algo vai mudar e nada muda...
    UNIÃO?! Como se o BOPE ganha mais, o CHOQUE ganha mais, os UPP's ganham mais, o GAM ganha mais, BPGE ganha mais, será que estarão interessados nessa união?
    HONESTIDADE?! Onde? Só existem três palavras que definem a PMERJ; CORRUPÇÃO, CONIVÊNCIA e OMISSÃO... ( Tem os que roubam, os que se beneficiam do roubo dos outros e os que não roubam mas conhecem os que roubam, seu modus operandi e nada fazem... )
    MELHORIAS?! O que vejo são esmolas, alguém acha que o P1, o P2, o P3, P4 , P5 e CMT'S DE CIA E CMT's estão realmente preocupados com seus subordinados, arrumando o que arrumam semanalmente legal e ilegalmente...
    SAÚDE, alguém ai é capaz de elogiar o tratamento dispensado pelo HCPM? E as denúncias de desvio de verbas?

    PRA COMEÇAR a melhorar tenho algumas sugestões; AUXILIO CRECHE ( 0 A 6 ANOS ), AUXILIO EDUCAÇÃO ( 6 A 21 ANOS ) para filhos e dependentes de PM's, AUXILIO FARDAMENTO no minimo de 6 em 6 meses e não apenas uma vez após 12 anos de serviço, GRATIFICAÇÃO ( 10% SOLDO ) POR CONCLUSÃO DE CURSO SUPERIOR, se não temos estímulo que tenha ao menos uma recompensa, mais conhecimento melhor desempenho, AUXILIO DEPOIMENTO ( = 1 RAS de 8hs ); para cobrir despesas com transporte, estacionamento, alimentação... OPÇÃO DE ESCOLHA PARA RECEBIMENTO DE 13º, integral, parcelado, junto com as férias... DISCRIMINAÇÃO POR EXTENSO NO CONTRACHEQUE DOS VALORES RECEBIDOS, RAS, RAS COMPULSÓRIO, PROEIS e com o nº de serviço e as datas dos dias trabalhados e que seja determinado uma data específica para pagamento e que seja respeitada... Penso que nada do que foi proposto aqui seja absurdo ou muito difícil de ser realizado mas infelizmente quem deveria lutar pela tropa ou esta na "mão de macaco" ou satisfeito com suas "gratificações de comando" e muitas vezes nos 2 casos...

    ResponderExcluir
  8. isso é a realidade dessa pmerj , que já morreu e ninguém quer saber, para quê se preucupar com material humano? poucos falam no mar de lama que isso se transfomou(pmerj), pior que tem gente que acredita ainda!! a cupula toda envolvida nos jornais e eles não acreditam!! não é mais o praça é lá em cima!!!!.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.