BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

sábado, 17 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - COMENTÁRIOS - OPINEM



Prezados leitores, transcrevemos comentários recebidos sobre a nossa iniciativa de obter informações sobre as investigações do GAECO do Ministério Público de São Paulo:

1) Sergio
16 de setembro de 2016 15:13 
Muito esperto esse presidente da Portuguesa. Acusa o Fluminense, mas não tem interesse em correr atrás do verdadeiro culpado pela ruína do seu clube. Qualquer pessoa honesta, se vendo prejudicada, vai a fundo pra saber o que aconteceu, pra pedir ressarcimento pelos prejuízos. Mas, como no caso da Suzane Richthofen, em que ela defendia os irmãos Cravinhos; mais tarde se soube que eram todos cúmplices. A Portuguesa é um clube tão pequeno, que todos os diretores se revezam gestão após gestão e são amigos uns dos outros, alguns ligados até por negócios particulares. Sair daí um pedido de investigação, pra ferrar o “patrício”, vai ser difícil. Já a ESPN, não vai querer perder um assunto popular em seus programas esportivos: falar sobre o clube da praia do Pinto. Por isso, não contou ao distinto público que o clube de remo escalou o André Santos de forma irregular e que por isso poderia ser rebaixado naquele estranho fim de semana de dezembro de 2013. 

2) Gilberto Mota
16 de setembro de 2016 16:10 
Coronel Paúl, pra muita gente dentro da Portuguesa é bom o clube acabar, por causa do imóvel da sede, estádio e terreno, super valorizados pela localização. Por isso, não há nenhum interesse em correr atrás de quem meteu o clube nesse buraco sem fim. Tem gente ali adorando o fim da Lusa. 

3) Sergio16 de setembro de 2016 16:00 Muito bom trabalho, Coronel Paúl. Vamos ter finalmente uma visão sobre como foi esse "inquérito". Na Lava-Jato, a imprensa foi convocada e até foi feita uma apresentação em Power Point. No caso Flamenguesa, o MP/SP se fechou e não deu nenhuma informação à opinião pública sobre o que estava acontecendo. Depois que o promotor Senise afirmou com todas as letras que houve corrupção, a próxima notícia foi o arquivamento, dois anos depois. O MP/SP nos tratou como se estivéssemos numa república de bananas. Tenho certeza de que o Sr. e seus colaboradores acharão, além dos crimes dos suspeitos já sabidos, provas de prevaricação do órgão de investigação, começando por não anexar aos autos o livro que o Sr. escreveu, o que me pareceu um absurdo de ineficiência na apuração dos fatos. 

4) Aqipossa Informativo
16 de setembro de 2016 15:03 
O que mais preocupa nisso, não é a Imprensa permanecer acobertando o verdadeiro beneficiado, até porque, ela é a principal envolvida na ordem dada à Portuguesa em 2013, mas sim, o porque dos gestores do Fluminense não cobrarem no mínimo uma reparação a cada vez que se depara com matérias tendenciosas e inequívocas provas do envolvimento da mesma, já que não se trata de culpar apenas o Flu, mas evitar a qualquer custo citar o Flamengo, que no mínimo, deveria ser tratado como "o outro beneficiado". Um abraço, Coronel. Saiba tudo sobre o envolvimento da Imprensa e do Flamengo no caso Flamenguesa.

Nós estamos cumprindo tudo o que prometemos para que todos os fatos "estranhos" sejam devidamente esclarecidos e tenham a publicidade devida, sobretudo a promessa de NÃO DESISTIR. 

Juntos Somos Fortes!

2 comentários:

  1. Samuel contra o Bahia17 de setembro de 2016 22:03

    Discurso do promotor Roberto Senise Lisboa na sessão solene na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo em comemoração ao “Dia de Portugal”, em 06 de junho de 2014:

    http://www.al.sp.gov.br/repositorio/ementario/anexos/20140627-160010-ID_SESSAO=11385.htm

    “A atividade do Ministério Público não é uma atividade que vá defender a comunidade dos portugueses, ou de qualquer outra cultura, mas é a de defesa da sociedade como um todo. Tanto dos irmãos portugueses brasileiros, como de outras culturas.

    E realmente o Ministério Público de São Paulo está bem atento e a ação civil pública proposta pelo Ministério Público, senhor deputado, está em andamento, assim como as investigações feitas na Promotoria de Justiça do Consumidor de São Paulo, estão sendo conduzidas por mim, como também as investigações que estão sendo conduzidas pelo GAECO, que é o Grupo de Acompanhamento e Combate ao Crime Organizado, porque os elementos que foram encontrados no inquérito civil, apontam a possibilidade de existência de crime que, se fossemos qualificar do ponto de vista moral, poderíamos dizer um crime de lesa pátria de interesses da comunidade portuguesa.

    E do ponto de vista jurídico, sem sombra de dúvidas, há indícios de favorecimento e de pessoas que, infelizmente acabaram traindo não apenas os valores da cultura portuguesa, mas muito mais do que isso, os valores da lei, da ordem e da justiça.

    Por conta disso, senhores, é que o Ministério Público de São Paulo continua em frente nas investigações, e a ação civil pública continua em andamento. E o deputado Fernando Capez, colega nosso, tem sido peça indispensável nesse processo, trabalhando diuturnamente em favor dos interesses da Justiça e que no caso concreto são os interesses da comunidade portuguesa. Por isso eu peço ao nosso presidente aqui presente, uma salva de palmas.”

    ResponderExcluir
  2. Se depender do MP-SP, vai ficar por isso mesmo.
    E a Lusinha está na série D.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.