BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

segunda-feira, 5 de junho de 2017

INSEGURANÇA NO RIO - HORA DO GOVERNO FEDERAL ASSUMIR SUAS RESPONSABILIDADES



Prezados leitores, o governo federal precisa assumir as suas responsabilidades na área da segurança pública do Rio de Janeiro, onde a violência está fora de controle e o governo estadual não reúne condições de reverter o quadro.
A população está acuada e apavorada.
O envio do Projeto da Força Nacional de Segurança (FNS) não faz qualquer sentido.
A presença da FNS nas ruas é completamente inócuo em termos de resultados práticos, além de ser extremamente caro para os cofres públicos e não podemos esquecer que vivenciamos gravíssima crise econômica.
A FNS não passa de uma resposta política sem qualquer efeito no controle da violência.
A manifestação pública da Polícia Militar de que não tem efetivo para cumprir suas missões deve ser encarado pelo presidente Temer como o sinal para que o governo federal aja.
Enquanto o governo federal não assumir as suas responsabilidades a situação tende a piorar a cada dia.

"Jornal Extra
04/06/17 06:00
PM do Rio reconhece que efetivo atual é insuficiente para operação no Estado 
Nelson Lima Neto 
Policiais militares, civis, bombeiros e docentes aguardam suas convocações por parte do estado. A Polícia Militar informou que 4 mil vagas estão “abertas”, mas dependem da liberação de Orçamento pelo governo. A corporação reconheceu que o atual efetivo é insuficiente para a operação adequada dos trabalhos (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

Um comentário:

  1. Hora do carioca se unir na Orla de Copacabana com faixas e cartases gigantes acusando o abando, descaso, a perda de controle e a falta de responsabilidade dos Governos estadual e Federal e solicitando intervenção Militarurgente! É se iludir dar margem a politicos virem com novos paleativos, mentiras e tapeações

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.