BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

quinta-feira, 8 de junho de 2017

RIO DE JANEIRO - RECEITAS - PÉSSIMAS NOTÍCIAS

deputado Jorge Picciani e ex-governador Sérgio Cabral

Prezados leitores, a volta das famigeradas ISENÇÕES FISCAIS foram a primeira má notícia em termos de receita para o estado do Rio de Janeiro, a segunda vem do Qatar, que ameaça aumentar as suas exportações de petróleo, o que fará cair o preço do barril no mercado internacional e deverá refletir nos royalties recebidos pelo estado.

"O ESTADÃO 
'Catar pode aumentar exportação e derrubar preço do petróleo' 
Para o coordenador de Relações Internacionais das Faculdades Integradas Rio Branco, o rompimento das nações árabes com o Catar pode provocar a baixa nos preços globais do petróleo 
Entrevista com Gunther Rudzit 
Mateus Fagundes, O Estado de S.Paulo 
07 Junho 2017 | 15h52 
O rompimento das nações árabes com o Catar, anunciado no começo da semana, tem raízes políticas e econômicas e pode provocar a baixa nos preços globais do petróleo. A avaliação é do professor Gunther Rudzit, coordenador do curso de Relações Internacionais das Faculdades Integradas Rio Branco e especialista em segurança internacional. Em entrevista ao Broadcast, Rudzit avalia que a tensão regional foi potencializada pela visita do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, à Arábia Saudita, no fim de maio. Além disso, o professor avalia que o maior beneficiado pode ser justamente aquele que, em tese, teria sido o alvo secundário da sanção contra o Catar: o Irã. Leia os principais trechos da entrevista (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.