BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

quarta-feira, 22 de março de 2017

MAIS R$ 350 MILHÕES DESVIADOS POR CABRAL DEVERÃO VOLTAR PARA OS COFRES PÚBLICOS

deputado Jorge Picciani e ex-governador Sérgio Cabral


Prezados leitores, a devolução aos cofres públicos do dinheiro desviado pelos bandidos da política brasileira, como o ex-governador Sérgio Cabral, sempre foi uma cobrança da população, um sonho que está sendo efetivado.
Uma devolução de R$ 250 milhões já ocorreu e existe a possibilidade de uma devolução ainda maior.

"Revista Veja
Radar On-lie
Maurício Lima
Brasil
Governo do Rio pode ter novo ressarcimento de 350 milhões
Montante diz respeito a verbas desviadas por Sérgio Cabral
A devolução de 250 milhões de reais ao governo do Rio de Janeiro, surrupiados dos cofres públicos por Sérgio Cabral e cia, será apenas uma primeira etapa deste ressarcimento milionário. O dinheiro será usado para pagar o 13º salário atrasado de 146 000 aposentados e pensionistas. 
O Palácio Guanabara e o Ministério Público Federal calculam ser possível devolver mais 350 milhões de reais ao erário. O dinheiro viria de outras contas, além da venda de diamantes, joias e ações de empresas nas mãos da quadrilha do ex-governador. 
Nesta terça (21), está marcado um evento com a presença de Rodrigo Janot para celebrar o ressarcimento ao Palácio Guanabara. Luiz Fernando Pezão escapou do constrangimento. Quem vai representar o governo no evento é procurador-geral do Estado, Leonardo Espíndola (Fonte)". 

Juntos Somos Fortes!

3 comentários:

  1. CARO COMPANHEIRO CORONEL PMERJ PAUL,
    Já que o assunto envolve a venda de diamantes, jóias etc, para ressarcir os cofres públicos, temos a obrigação de retornar a um assunto que não pode morrer, sem que antes tudo seja esclarecido às autoridades e a população carioca, principalmente aos servidores públicos.
    Em abril de 2102 a apartamento do Pezão no Leblon foi invadido e de lá foram levadas 15 caixas com joias de diversas espécies.
    A Polícia Civil abriu inquérito mas ninguém sabe o resultado das investigações,se apontaram autoria do crime, se as jóias foram recuperadas, se estas jóias estavam declaradas à Receita Federal.
    Portanto está mais do que na hora de esclarecer esses nebulosos fatos, e se a PCERJ não quiser(ou não puder) reabrir as investigações, que a Polícia Federal e as demais autoridades da operação lava jato o façam, em nome dos princípios da legalidade e da moralidade pública.
    PAULO FONTES

    ResponderExcluir
  2. Um advogado não tem que explicar a origem do dinheiro que o seu cliente (ladrão, corrupto, trapaceiro, etc.), usou para pagar seus honorários, mas seria muito importante que os ladrões, corruptos, trapaceiros, etc., antes de ajustar um advogado, tivessem que provar, que o dinheiro que será usado para pagar seu advogado, não é parte do dinheiro que ele roubou, bem como tivesse que apresentar seu imposto de renda, para comprovar se o que possui, confere com seus rendimentos, se não conferisse, seria confiscado em dobro os bens não justificado, mais juros e correção monetária, até a data trânsito em julgado.
    Se assim fosse, Cabral e seus camarilhas, já poderiam começar a se escreverem no programa MINHA CASA MINHA DIVIDA, quem sabe, já sairiam da cadeira contemplados.
    Espero que ele pelo menos pague o juro do dinheiro que ele robou, pois se as pessoas que tomam dinheiro emprestado dentro dos conformes da lei, pagam juros, quem rouba também deve pagar, inclusive um juro maior.

    ResponderExcluir
  3. DEVOLVAM O QUE VOCÊS ROUBARAM DO POVO SEUS PATIFES!!!
    Juízes, Procuradores e Delegados Federais, envolvidos nas investigações da operação lava jato, que apuram os crimes do mega bandido cabral, afirmam que além dos 250 milhões de reais já devolvidos existem ainda 150 milhões igualmente identificados.
    Entretanto o blog de um político que já foi governador do ERJ, informa que cabral e sua quadrilha mantém no exterior, a supra fantástica soma de de 3 bilhões de dólares, mais de 10 bilhões de reais, e eu não tenho nenhum motivo para duvidar pois foi esse mesmo blog que denunciou ha mais de cinco anso anos atrás, as falcatruas da GANGUE DOS GUARDANAPOS, COM O MESMO PROTAGONISTA: O MALFEITOR CABRAL E SEU BANDO DO MAL!!
    Isso precisa ser apurado, investigado,e chegar no centro da questão: onde está esse dinheiro?
    A COAF, a Receita Federal, o Banco Central, os Policiais Federais adidos as embaixadas do Brasil no exterior, a Interpol, todos os órgãos que possuam interface com essa questão, esse crime de lesa pátria, tem que cerrar fileiras ao lado do Juiz Sérgio Moro, do Procurador Geral da República Rodrigo Janot, e dos Delegados e demais investigadores da Polícia Federal, devem desenvolver uma ação sistêmica e coordenada, eficaz, efetiva, eficiente, profilática e exemplar, com o objetivo de confiscar desses "CLEPTOBANDIDOCRATAS",aquilo que eles roubaram dos cofres públicos e do povo carioca.
    E mais, é preciso que a justiça sequestre os bens mais valiosos desse criminoso frio e cruel, dos seus asseclas igualmente bandidos, das suas esposas, concubinas, companheiras, filhos, pais, mães, amigos,laranjas, principalmente as mansões que compraram ilegalmente no exterior ou aqui mesmo em mangaratiba, símbolo do escárnio e do poder corrupto, apartamentos na zona sul, etc, e entreguem ao tesouro estadual e ao povo do rio de janeiro, o dinheiro amealhado com a venda desses bens.
    É urgente, é premente, deixar esse trombadinha do subúrbio carioca sem nada ou quase nada, quem sabe com um apartamento do programa minha casa minha vida, para que esse meliante possa recomeçar a vida trabalhando honestamente para melhorar, coisa que vejo como quase impossível, face a psicopatia do escroque cabral.
    A operação lava a jato também tem que focar na apuração dos bens e as somas de dinheiro roubados pelo não menos gangster eduardo cunha, cassado pelo congresso, de quem até agora não se fala nada, só que esse senhor exerceu cargos públicos desde os tempos corruptos do ex presidente Collor cassado por processo de Impeachment em 1992.
    OU É ISSO OU ENTÃO A CERTEZA DA IMPUNIDADE, A CONVICÇÃO DE QUE O CRIME COMPENSA, A CONFIRMAÇÃO DO VALE TUDO NESTA BRUZUNDANGA TUPINIQUIM , A AFIRMAÇÃO DE QUE O BRASIL NÃO É UM PAÍS SÉRIO, SERÁ CONFIRMADA COMO UMA REGRA NA SOCIEDADE BRASILEIRA, E NÃO COMO EXCEÇÃO!!!
    PAULO FONTES

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.