BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

sábado, 29 de julho de 2017

DENÚNCIA: FORÇAS ARMADAS NÃO ATUARAM DE MADRUGADA NO RIO DE JANEIRO



"Jornal O Globo
Tropas federais não patrulham o Rio durante a madrugada e policiamento não foi reforçado 
Reportagem percorreu diversos pontos da Região Metropolitana 
IGOR RICARDO / RAFAEL NASCIMENTO 
29/07/2017 7:51 / atualizado 29/07/2017 9:20 
RIO — As Forças Armadas começaram a atuar em diversos pontos do Rio e da Região Metropolitana na sexta-feira. Pelo menos durante a tarde e noite. A reportagem do GLOBO fez uma ronda durante a madrugada e não encontrou nenhum militar na rua. Os repórteres percorreram as zonas Sul, Norte e Oeste, além da Baixada Fluminense, e a cena se repetia em todos esses locais: não havia qualquer sinal das tropas federais. 
A cúpula de Segurança já havia divulgado que as ações, num primeiro momento, seriam de reconhecimento de área e coleta de informações, apesar disso, a sensação de quem circulava pela cidade era de que nada efetivamente mudou. 
MADRUGADA COMO OUTRA QUALQUER 
Os efetivo da Polícia Militar durante a madrugada parece não ter sido alterado, mesmo após o início da atuação dos agentes federais. O policiamento, aparentemente, não foi reforçado. Na Zona Sul, onde horas antes cariocas fizeram questão de posar para fotos com soldados, o patrulhamento ficou a cargo da PM nas primeiras horas deste sábado — havia carros posicionados em alguns pontos da orla. O panorama era o mesmo em locais como o Centro do Rio, Aterro do Flamengo, Enseada de Botafogo, e na orla do Leme e de Copacabana. Na 12ª DP (Copacabana), por volta das 2h20m, a movimentação era tranquila. 
— Ainda é muito cedo para avaliar o que está acontecendo. Essa é uma madrugada de sábado como outra qualquer — disse um policial civil (Leiam mais)". 

Como comentei em vídeo (Link) talvez o novo emprego das Forças Armadas no Rio de Janeiro, apesar dos discursos políticos, sejam "mais do mesmo". 

Juntos Somos Fortes!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.