BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

segunda-feira, 3 de julho de 2017

CALVARIO DA PORTUGUESA - IMPRENSA ESPORTIVA COLABOROU COM REBAIXAMENTO


Prezados leitores, o GAECO do Ministério Público de São Paulo ainda não conseguiu investigar com a amplitude necessária o que aconteceu na última rodada do Brasileirão 2013, quando o Flamengo escalou no sábado (07 DEZ 13) o jogador André Santos de forma irregular e a Portuguesa escalou no domingo (08 DEZ 13) o jogador Héverton TAMBÉM de forma irregular.
Após os resultados dos jogos da referida rodada a Portuguesa acabou salvando o Flamengo do rebaixamento, algo que parte da imprensa esportiva insiste em não aceitar, contrariando o contido na classificação oficial do Brasileirão 2013.
Por que parte da imprensa age dessa forma?
A teimosia de parte da imprensa em não noticiar a verdade pode ter relação com a própria culpa pelo rebaixamento da Portuguesa.
Eis um exemplo da insistência no erro.

" Estadão
Héverton vira dono de padaria e quer ajudar a Portuguesa a se reerguer 
Escalado irregularmente na última rodada da Série A de 2013, ex-jogador vira empresário e se coloca à disposição para ajudar no recomeço do clube (Link)".

Eis o parágrafo absurdo que afronta a verdade:

"Ele foi escalado irregularmente, pois estava suspenso, e a irregularidade fez a Portuguesa perder quatro pontos e ficar em 17.º lugar, sendo rebaixada para a Série B e salvando o Fluminense da queda. Após muita investigação, o caso acabou arquivado e ninguém foi culpado."

Ratificamos que basta olhar a classificação oficial do Brasileirão 2013 para CONSTATAR que se a Portuesa não escalasse o jogador Héverto o clube a ser rebaixado seria o Flamengo.

A responsabilidade de parte da imprensa no rebaixamento da Portuguesa é fácil de ser constada e não conseguimos entender como o GAECO não ouviu nenhum jornalista dos sites que se calaram diante do erro do Flamengo.
A escalação de Héverton de forma irregular tem duas possibilidades: um erro administrativo ou um acordo ilegal.
Tanto na possibilidade do erro, quanto na possibilidade da existência de um acordo ilegal, a parte da imprensa que se calou contribuiu para o rebaixamento da Portuguesa:

- Possibilidade do erro administrativo - Se a parte da imprensa que noticiado no dia (06 DEZ 13) que o jogador André Santos do Flamengo estava suspenso e não poderia jogar, informasse no sábado (07 DEZ 13) durante o jogo que André Santos estava jogando irregularmente e que o Flamengo seria punido com a perda de pontos, entrando na luta contra o rebaixamento, TODOS os clubes que tiveram jogadores julgados naquela semana, verificariam a situação dos seus atletas para não repetirem o erro do Flamengo. Isso seria o esperado. A noticia da imprensa poderia ter ocorrido também após o jogo no sábado ou no domingo (08 DEZ 13) antes dos jogos.

- Possibilidade de um acordo ilegal - Se a parte da imprensa que tinha noticiado no dia (06 DEZ 13) que o jogador André Santos do Flamengo estava suspenso e não poderia jogar, informasse no sábado (07 DEZ 13) durante o jogo que André Santos estava jogando irregularmente e que o Flamengo seria punido com a perda de pontos, entrando na luta contra o rebaixamento, o possível acordo teria que ser desfeito considerado que a Portuguesa não teria como explicar a escalação irregular de Héverton, não poderia alegar um erro administrativo.

Como foi demonstrado a participação de parte da imprensa no rebaixamento da Portuguesa é fácil de ser explicado e constatado, considerando que as noticias publicadas sobre a suspensão do jogador André Santos podem ser confirmadas a qualquer tempo, assim como, o fato de não ter sido noticiada a escalação irregular e a possibilidade de rebaixamento.
Salvo engano, a culpa deve ser o motivo de parte da imprensa insistir em mentir que a Portuguesa salvou o Fluminense do rebaixamento.

Juntos Somos Fortes!

29 comentários:

  1. A imprensa sabe de tudo, somente quem finge não saber a verdade são os tricolores tricampeoes da fulga na armação do rebaixamento e acesso a primeira divisão, algo inédito no futebol brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, somos todos loucos. Isso fora jornalistas como André Rizek e Cosme Rímoli, que fizeram um mea-culpa, além do cara do Esporte Interativo do qual não me recordo do nome.

      Excluir
  2. Quis dizer fuga tricolor

    ResponderExcluir
  3. Samuel contra o Bahia4 de julho de 2017 19:32

    Não entendi o que o Anônimo 3 de julho de 2017 20:02 escreveu.
    Ele pode esclarecer qual é a verdade que os tricolores fingem não saber?
    Tem a Teoria da Mega-Sena, na qual é só uma chance em milhões de acontecer o que aconteceu, mas sem mutreta e justamente na última rodada do BR-13.
    Pode ser também que o Fluminense subornou a Lusa pra salvar o Flamengo do rebaixamento, além de ficar com fama de vilão e tapetão.
    Conte, Anônimo, qual verdade que "a imprensa sabe de tudo" e que você acredita.

    ResponderExcluir
  4. É isso mesmo torcedor tricolor. Está provado que vocês sabem toda verdade sobre o envolvimento do Fluminense nesse escândalo.

    ResponderExcluir
  5. Samuel contra o Bahia5 de julho de 2017 17:04

    Continuo sem entender o que o Anônimo quer dizer.
    Um erro duplo é bem difícil de acreditar, porque seria mais fácil ganhar na Mega-Sena do que acontecer o que aconteceu na última rodada do Brasileirão-13.
    O curioso é que desde aquele dia até hoje (quase quatro anos) não teve mais nenhum "erro" de escalação de jogador irregular.
    No BR-13 tiveram dois, justamente na última rodada, um dia depois do outro. Que coincidência!
    Mesmo se isso fosse verdade, o Fluminense não teve envolvimento nesse caso. Foi apenas o "destino" que fez os dois clubes escalarem jogadores suspensos.
    Na outra hipótese, que é o Fluminense subornar a Portuguesa pra salvar o Flamengo e ainda ser atacado por todos como o vilão Rei do Tapetão, seria bom o Anônimo explicar qual teria sido o ganho do "envolvimento" do Fluminense.
    Não adianta ficar repetindo: eles sabem a verdade, vocês sabem, a imprensa sabe, está provado, ......
    Quero fatos. Tem algum?
    Ou você não sabe interpretar um texto ou é daqueles que ficam repetindo uma mentira até que ela vire verdade.
    Que baixaria!

    ResponderExcluir
  6. Pois é.
    O erro duplo não ocorreu.
    Houve somente um erro do Flamengo.
    O da portuguesa já estava acertado e o Fluminense não quis arriscar somente no provável julgamento do Flamengo, quanto mais tendo já pago a propina ao presidente da portuguesa.
    Claro como a luz do sol.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com Sangue do Encarnado6 de julho de 2017 03:31

      Então você surgiu agora com uma nova teoria, que não teve a decência de explicitar em seu primeiro comentário.

      Segundo você, independente de qualquer coisa, o Fluminense já havia acertado com a Lusa uma escalação irregular, antes mesmo do caso envolvendo o André Santos.

      E algo tão obscuro assim é claro com a luz do sol?

      Que droga, veja você, pois o Fluminense acabou queimando o filme e salvando o seu arquirrival.

      Além disso, onde estão as provas da imprensa? Por que ela protege o todo-poderoso Fluminense? Eu pensava que bajular o Flamengo ou o Corinthians fosse mais rentável.

      Excluir
  7. Teoria furada essa do Anônimo.
    Se fosse subornar algum clube, era mais seguro o Fluminense subornar Bahia, Criciuma e Vasco.
    Se o Fluminense só subornasse a Lusa e o Vasco vencesse o seu jogo, o Fluminense é que cairia.
    É só ver como ficou a tabela final do BR-13.
    Mas o batom na cueca, que nenhum flamenguista explica, é por que ninguém da imprensa contou que o André Santos jogou suspenso.
    É óbvio que eles não contaram pra poder armar a corrupção da Lusa, pra ela escalar o Heverton.
    O Anônimo sabe até que a propina já tinha sido paga ao presidente da Portuguesa, vejam só.
    Podia prestar um depoimento ao MP/SP pra ajudar na investigação.
    Mas não pagou. Pagar pra que, se o Flamengo deu a vaga de graça ao escalar o André Santos no dia anterior?
    Pra que arriscar prisões de cartolas e gastar dinheiro?
    Era só ligar e abortar a maracutaia.
    E agradecer ao Flamengo pelo favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O suborno do Fluminense envolvia acerto prévio com o STJD, através do presidente deste órgão, o qual puniu o atleta da Lusa, Ewerton, às véspera do jogo, com dois, por ter sido expulso por reclamação.
      Por outro lado, a punição do jogador do Flamengo não é igual ao da Lusa, pois foi devido a punição de outra competição que estendida ao brasileiro. São motivações diferentes.
      Basta ouvir o relato de Gilberto da Lusa para saber que antes do jogo do Flamengo já havia uma determinação da Lua para escalar Ewerton.
      Claro como a luz do sol.

      Excluir
    2. Agora o Fluminense também já tinha um acordo prévio com o STJD. E está claro com a luz do sol? Aos seus olhos, certamente.

      E quem foi que os subornou? O Celso Barros? Conte-nos mais, por favor.

      Excluir
  8. Bem lembrado o caso do Gilberto.

    Ele deu uma entrevista na sua apresentação no Vasco quando ia contar o que houve, mas por algum motivo não deixaram, a imprensa não fez mais perguntas e nem o Ministério Público de São Paulo teve interesse em ouvi-lo.

    A prova de que o pedido pro Gilberto jogar foi feito DEPOIS da partida Flamengo x Cruzeiro é que, até esse dia, o advogado da Portuguesa estava tentando um efeito suspensivo com o objetivo de absolvê-lo para a última partida do campeonato.

    - O que eu nunca tinha falado, mas agora vou falar até porque ele (Valdir Rocha) também está falando um monte de coisas, é que quando eu passei o resultado (do julgamento) para ele, ele brincou e disse: 'O Héverton não tem problema, esse está indo embora, não joga nada, podia pegar dez ou vinte partidas' e falou para eu focar em colocar o Gilberto em campo – enfatizou o advogado da Portuguesa no julgamento do meia Héverton, Osvaldo Sestário

    http://www.lance.com.br/todos-esportes/advogado-diz-portuguesa-tentou-faze-assumir-erro-caso-heverton.html

    Se houvesse mesmo um acordo ilícito com Vasco, Criciúma ou Fluminense, clubes que supostamente estariam interessados no cambalacho, por que a Portuguesa estaria tão preocupada em legalizar a situação do Gilberto através de um efeito suspensivo?

    E se o Héverton não aceitasse participar da tramóia? A Lusa não teria ninguém disponível para colocar em campo e cumprir o que foi combinado com o corruptor.

    Era melhor ter muitos jogadores irregulares, quanto mais suspensos melhor, pra colocar pelo menos um em campo e não ficar tentando efeito suspensivo pra liberar o Gilberto pro jogo, perdendo assim uma das duas únicas opções que a Portuguesa tinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa flamenguistas deixem de ser otários e parem de discutir esse assunto com os tricolores, pois eles não assumem nada. Eles não assumem que subiram da segunda divisão fora do campo, vão assumir mais o que. Foram eles que ensinaram isso ao Lula, a Dilma e ao Temer.

      Excluir
    2. Com Sangue do Encarnado7 de julho de 2017 01:02

      O senhor não deveria ter aprovado esse último comentário, Coronel. Claro está que o sujeito não quer dialogar com ninguém. Se me permite a crítica, a moderação serve pra isso, selecionar comentários relevantes. A não ser que o senhor queira os expor ao ridículo. Assim até vai, mas, geralmente, é algo que irrita. Um abraço!

      Excluir

    3. O caso do Brasilerão 2013 promoverá o famoso "tiro que saiu pela culatra". Tentaram culpar o Fluminense e ficará para a história a suspeita contra o Flamengo. Os que esperneiam diante dessa verdade estão se debatendo em areia movediça, a cada movimento afundam mais e levam consigo.....

      Excluir
    4. Temos que fazer alguma coisa, Coronel Paúl.
      A forma como o MP/SP arquivou o processo, depois do promotor Senise ter descoberto corrupção e ser afastado de forma estranha, mostra que há forças mais poderosas do que a lei e os órgãos de investigação.
      O que fazer então? Pra quem apelar?
      Temos que continuar usando as redes sociais. Esse caso não pode ser esquecido. Seria mais uma vitória da impunidade no Brasil.
      A gente se cansa de tudo: de acreditar nas instituições, nas pessoas, na imprensa, na TV, no futebol.
      Esse então, já se viu que é jogo de cartas marcadas.
      Quem ganha campeonato e nunca cai são os campeões de audiência.
      Ficou chato esse programa.

      Excluir
    5. Agora eu concordo.
      Tiro pela culatra.
      Fluminense alvejado em cheio.
      A verdade que todos sabem revelada.

      Excluir
  9. O Anônimo (não sei se é o mesmo de sempre, aquele que fica repetindo os mantras) só acertou quando chamou os flamenguistas de otários.

    Ele está certo porque deram a vaga na série A pro Fluminense de graça, o clube agora pode ser rebaixado de divisão como punição pela corrupção (ou até mesmo excluído do futebol), além de ter seus cartolas presos.

    Errou quando quis comparar Fluminense ao Flamengo, que tem um currículo mais pesado do que um elefante e mais negro que piche:

    - José Roberto Wright na Libertadores de 1981
    - Papeletas Amarelas (compra de juízes no Campeonato Carioca de 1986)
    - Tentativa de roubo do título de Campeão Brasileiro de 1987 do Sport Club Recife no Tapetão
    - Walter Clark confessando em livro escrito em 1991 que subornava juízes
    - Kleber Leite, Klefer e Traffic no escândalo de corrupção da FIFA
    - Flávio Godinho, Mário Esteves Filho e Plínio Serpa Pinto nas investigações da Lava-Jato

    http://espn.uol.com.br/noticia/680537_maior-jornal-ingles-cita-livro-e-lembra-jogo-que-atletico-mg-teve-cinco-expulsos-contra-flamengo-farsa

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=706117666241941&set=a.231857090334670.1073741827.100005311420946&type=3&theater

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=706118136241894&set=pcb.706118292908545&type=3&theater

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da pena desse timinho querendo se comparar ao Flamengo.
      A única coisa que o Fluminense tem mais que o Flamengo é tem que se f...

      Excluir
    2. Faltou o "Caso Wendell", de 2002, e as mais recentes interferências na arbitragem de 2016 e 2017, sendo a última aquela do "Vão consultar a gente de novo!", do narrador Luís Roberto, da Rede Globo.

      http://www.tribunapr.com.br/esportes/virada-de-mesa-ja-tem-desculpa/

      http://esportes.estadao.com.br/noticias/futebol,wendell-admite-irregularidade-do-fla,20030206p45773

      http://vexamesdofla.blogspot.com.br/2016/05/os-cinco-rebaixamentos-que-o-flamengo.html?m=1

      E vejam só essa manchete:

      "Lusa é condenada pelo mesmo artigo já descumprido pelo STJD

      Em 2002, Flamengo poderia ter caído por cometer o mesmo erro da Lusa"

      https://www.futebolinterior.com.br/futebol/Brasileiro/Serie-A/2013/noticias/2013-12/Lusa-e-condenada-pelo-mesmo-artigo-ja-descumprido-pelo-STJD

      Excluir
  10. O Anônimo que parece uma Vitrola Arranhada, um papagaio ensinado, mostra mais uma vez que não frequentou as aulas de interpretação de texto na escola.
    Vou tentar explicar de outra forma pra ele.
    Título que só o flamengo tem: "Rei da Safadeza".
    Ele agora deu pra xingar. O que esperar de um mulambo?

    ResponderExcluir
  11. Coronel Paúl, o Heverton disse numa entrevista que prestou depoimento de uma hora pra Polícia Federal.

    O Sr. sabe se a PF também está investigando o caso Flamenguesa?

    https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2017/07/08/dono-de-padaria-heverton-diz-que-lusa-tem-de-parar-de-usa-lo-como-desculpa.htm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para mim isso é fato novo. Sera que foi sobre o caso do Brasileirão 2013? Para o MP de SP ele prestou depoimento por carta precatória, ele estava no Pará.

      Excluir
  12. Agora entrou a PF e a delação premiada, desta vez o Fluminense não escapa e esses tricolores mentirosos e falsos cobradores de história vão ter que reconhecer a sua máscara e vão ver a desonra revelada.

    ResponderExcluir
  13. Os tricolores agora não terão mais historinha para contar e nem livrinho para escrever com a PF apurando a verdade.

    ResponderExcluir
  14. Muito pelo contrário, Anônimo.
    O que os tricolores reclamam é justamente a falta de investigação.
    Era incumbência do MP/SP investigar, mas poderia ser também do MP/RJ, já que beneficiou um clube carioca: o corruptor (que é quem se salvou, uma posição na tabela acima da Portuguesa).
    O MP/SP parou de apurar assim que percebeu que teve corrupção.
    O MP/RJ nunca pegou o caso (pelo menos, que a gente saiba).
    Tricolores vivem pedindo a reabertura das investigações ao MP/SP ou mesmo que a Polícia Federal e o Ministério Publico Federal se interessem pelo caso, até porque foi um crime que envolveu dois estados.
    Nós queremos até que a Interpol ajude, já que teve transferência de dinheiro pro exterior.
    O Anônimo deve achar que está funcionando essa postura de sonso que ele adotou, de fingir que não entendeu o texto.
    Desafio a fazer como nós, tricolores e torcedores de outros clubes (à exceção do flamengo) e pedir bem alto nas redes sociais:
    "QUEREMOS A REABERTURA DAS INVESTIGAÇÕES!!!
    QUEREMOS A REABERTURA DAS INVESTIGAÇÕES!!!"

    ResponderExcluir
  15. Caramba, Coronel Paúl.
    Eu não acredito. Finalmente o Anônimo admitiu que foi o Flamengo que corrompeu a Portuguesa.
    Nunca imaginei que um rubro negro fosse admitir a corrupção que o seu clube praticou no Brasileirão 2013.
    Isso se deve ao seu blog, Coronel.
    O Sr. está de parabéns.

    ResponderExcluir
  16. E o cara do timinho da terceira divisão é maluco mesmo, está tendo até alucinações.

    ResponderExcluir
  17. Queremos reabertura de investigações para provar o óbvio: o Fluminense comprou a Portuguesa.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.