Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

sábado, 28 de janeiro de 2017

POLICIAL MILITAR QUE RECLAMOU DO SISTEMA DE SAÚDE DA PM FOI TRANSFERIDA DE BATALHÃO

Prezados leitores, a 3o Sgt PM Vivian que publicou uma mensagem no Whats App (Link) reclamado sobre o sistema de saúde da Polícia Militar, foi transferida de batalhão.








Juntos Somos Fortes!




7 comentários:

  1. Pura covardia com quem fala a verdade. Muita disposição para punir e pouca para resolver as maselas dessa imundicie.

    ResponderExcluir
  2. Hierarquia e disciplina dez, dignidade e cidadania zero . . .

    ResponderExcluir
  3. Os anos passam, e a PMERJ continua com as velhas táticas pra nos punir. Quando não conseguem sujar sua ficha eles te transferem ou te arregaçam numa escala horrível no pior serviço do batalhão. Enquanto a política mandar na PMERJ nada vai melhorar. Comandante geral tem que ser eleito pelos praças, comandante de batalhão tem que ter aprovação de 80℅ dá tropa.

    ResponderExcluir
  4. Novidade. Isso é o que ocorre quando lutamos por nossos direitos e ousamos mostrar as veias abertas dessa falida instituição. Absurdo, isso.

    ResponderExcluir
  5. Onde falta comando, sobra desmando.
    E assim vai se escrevendo a história dos Sérgios Cabrais e Pezões, que um dia comandaram a Polícia Militar do Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  6. um colega foi tranferido de paraiba do sul para o segundo batalhão de botafogo ,detalhe no expediente ,policiamento de bicicleta, só ficou 18 meses. punição geográfica é antiga!!!! veio do império. pura maldade.

    ResponderExcluir
  7. mas se alguem perguntar o por que dirão que nada tem a ver.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.