BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

terça-feira, 27 de outubro de 2015

'O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2023 - "PORTUGUESA" INOCENTA "FLAMENGO"

Prezados leitores, enquanto aguardamos a solução do Inquérito Civil Público (ICP) instaurado no Ministério Público de São Paulo; aguardamos também o recebimento da intimação do Coronel PM Paúl relativa à interpelação judicial promovida pelo Clube de Regatas do Flamengo e seguimos elaborando a 2a edição do livro "O escândalo do Brasileirão 2013 - Como o Flamengo foi salvo do rebaixamento"; estamos comentando novamente (usando outras fontes) alguns fatos relacionados com o escândalo, como fizemos no artigo anterior (Link).
Hoje comentaremos um trecho de um programa da Fox Sport no qual um jornalista afirma que na Portuguesa inocentam o Flamengo.
A alegação do jornalista foi usada por muitos torcedores do Flamengo ao longo da nossa mobilização (2013-2015) como sendo a prova definitiva de que ninguém ligado ao clube da Gávea poderia ter feito qualquer acordo com alguém da Portuguesa.
Por favor, assistam, o vídeo tem apenas 1:30 minutos.

 

Em apertada síntese, o jornalista informa que o jogador Heverton se concentrou antes do início do jogo do Flamengo, logo não foi alguém ligado ao Flamengo que promoveu um acordo para sua escalação.
Para analisar o comentário temos que primeiro aceitar algo que nunca foi provado: o fato da Portuguesa ter se concentrado.
Ao longo desse tempo ninguém apresentou qualquer prova sobre onde a Portuguesa se concentrou, sobre data e horário do início da concentração e nem sobre quais jogadores se concentraram para o jogo de domingo.
Vamos avançar aceitando que ocorreu a concentração, que ela começou antes do início do jogo do Flamengo e que Heverton se concentrou.
Se isso tudo for verdade o que primeiro nos chama atenção é a possibilidade do duplo erro, embora remotíssimas sejam suas chances percentuais, tendo em vista que não existe dúvida que o Flamengo cometeu um erro de avaliação e escalou irregularmente André Santos, Nesse caso a Portuguesa poderia ter errado por desconhecer que Heverton tivesse sido suspenso.
Tal possibilidade foi destruída nas entrevistas do Promotor Roberto Senise Lisboa, encarregado pelo ICP, o qual deixou claro que existem robustos indícios de que alguém da Portuguesa levou vantagem para que Heverton fosse escalado irregularmente.
Vencida essa etapa, vale lembrar algo óbvio, ou seja, que para que alguém ligado a algum clube que lutava contra o rebaixamento tivesse a ideia de fazer um acordo com a Portuguesa, tinha que ter o prévio conhecimento de que Heverton tinha sido julgado e suspenso.
As impossibilidades de Heverton (Portuguesa) e de André Santos (Flamengo) enfrentarem o Grêmio (domingo) e o Cruzeiro (sábado) se tornaram realidade no final da tarde de sexta-feira, dia 6 de dezembro de 2013.
Portanto, não se pode falar em acordo antes do final da tarde do dia 6 de dezembro.
O Flamengo jogou no dia 7 de dezembro de 2013 e escalou irregularmente André Santos.
A imprensa silenciou sobre essa irregularidade do Flamengo até o dia 10 de dezembro de 2013.
A Portuguesa jogou no dia 8 de dezembro de 2013 e escalou Heverton irregularmente.
A imprensa também silenciou sobre essa irregularidade da Portuguesa até o dia 10 de dezembro de 2013.
Os outros clubes que lutavam contra o rebaixamento jogaram no dia 8 de dezembro de 2013.
Ainda considerando que Heverton estivesse concentrado antes do erro do Flamengo, não precisamos perder tempo diferenciando estar concentrado de estar escalado (titular ou reserva) para o jogo, algo que só acontece próximo ao horário do início das partidas.
Heverton poderia ter concentrado e não ser escalado para o jogo, isso é óbvio.
Se Heverton estivesse realmente concentrado, isso até facilitaria o acordo, alguém discorda?
Diante dessas informações, convidamos os nossos leitores (os que não leram nosso livro, pois quem leu sabe a resposta) para que façam uma pesquisa e tentem descobrir dentre os clubes que lutavam contra o rebaixamento (nesse caso incluindo o Flamengo que errou no sábado) qual tinha melhores condições na época de saber que Heverton estava suspenso e tentar o acordo?

Nós só queremos a verdade e apoiamos o Ministério Público de São Paulo.

Juntos Somos Fortes!




8 comentários:

  1. Coronel, por favor, edite o seu texto sublinhando a frase: "Heverton poderia ter concentrado e não ser escalado para o jogo, isso é óbvio.".

    Às vezes é necessário ser didático em excesso.

    Aliás, Coronel, o que o senhor achou da cara de pau do André Rizek que afirmou, ao vivo, em seu programa, que acusar o Flamengo era absurdo porque o Héverton já estava concentrado? Realmente, isso valeria uma nota na segunda edição do "Escândalo".

    ResponderExcluir
  2. O clube que tinha melhores condições de saber que o Heverton estava suspenso era o clube da praia do Pinto. Seu advogado estava presente no tribunal no dia do julgamento e também em outra ocasião que ninguém até agora explicou direito ainda, estava presente advogando em favor da Lusa, que era nada mais, nada menos que o seu concorrente na disputa da última vaga pra permanecer na série A. Se a Portuguesa ganha e o urubu perde, o seu advogado teria ajudado o seu cliente a perder a causa. Muito estranha essa história, não é mesmo, Coronel Paul?

    ResponderExcluir
  3. Esse fdp do Flávio Gomes é mais um que recebeu grana pra tentar inocentar o verdadeiro culpado: o Flamengo, com essa mentira da concentração. Dá até nojo de ver a cara desse escroque. Aliás, dessa Fox Sports eu não vejo absolutamente nada. Façam como eu.

    ResponderExcluir
  4. vcs estao completamente enganados quanto o sentimento tanto do andré rizek quanto do flavio gomes em relaçao ao flamengo, pelo visto ninguem aqui acompanha esses programas esportivos,os dois odeiam o flamengo com toda a força.

    ResponderExcluir
  5. Coronel Paúl, essa história de que houve concentração do time da Portuguesa antes do último jogo é a maior cascata.

    Teve um torcedor tricolor que ofereceu R$ 5.000,00 (e ainda oferece, tenho certeza) pra quem conseguir provar que a concentração realmente aconteceu.

    E mais: a Lusa devia salários e direitos de imagem aos jogadores. Imagine a situação: o clube devendo, mas gastando uma grana em hotel, alimentação, bebidas, etc. e os jogadores pensando:

    - Podiam economizar pra pagar nossos salários, mas vão gastar o que não têm pra juntar um monte de homem em um hotel, pra um jogo que não vale mais nada?

    Deixo de novo o desafio: Quem puder provar que houve concentração que envie para o Ministério Público de São Paulo os documentos originais.

    Fotos de jogador dentro de carro e quartos, que não permitem precisar a data, não valem.

    Também não valem montagens de imagens de relatórios, que qualquer um com um computador pode fazer.

    Tem de mandar pro MP/SP os documentos originais. Se eles existirem, estão na contabilidade do clube da Portuguesa.

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde, Coronel Paul.

    Mesmo que tivesse acontecido a concentração, o que eu não acredito já que a Lusa estava sem grana até pra pagar os salários dos jogadores, isso não quer dizer nada, porque é normal em alguns clubes jogador suspenso concentrar, pra evitar que ele force cartão amarelo pra não concentrar ou mesmo não viajar.

    ResponderExcluir
  7. O jornalista pensa que o telespectador é otário. Que não sabe a diferença entre "concentrar" e "estar escalado". O que infringe o Código é a relação nominal de atletas entregue à CBF(caso tenha alguém suspenso) e não a concentração(que é problema do clube). Isso é enrolação, é puro "caô".

    ResponderExcluir
  8. Vcs estão devagando sobre ease assunto ainda? Provar algo que é bom nada.
    Não acham que estão querendo defender o fluminense demais, até parece que esse time esconde algo pra ser tão defendido. Deixem o MP trabalhar e mostrar provas, só vcs com essa ladainha. Futebol é sujeira mesmo, onde todos tem rabo preso, ou vcs acreditam que o fluminense é ilibado e limpo. Façam-me um favor. São as pessoas que dirigem que não prestam. Os clubes sao centenários e vao continuar e vcs querendo provar algo que ao meu ver não passou de erro.
    Se o lava jato foi descoberta imagine algo tão simples, qur segundo vcs envolveu no mínimo 30 pessoas. Se ouve sujeira vai aparecer, esperem.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.