BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

FUTEBOL: GRAVÍSSIMA DENÚNCIA CONTRA O FLAMENGO FEITA POR DIRIGENTE DO FLAMENGO

Prezados leitores, a denúncia não afeta apenas o Flamengo, mas todo o futebol brasileiro e dever ser investigada.
Por essa e por outras razões, temos insistido na reabertura do "escândalo do brasileirão 2013", evitando-se que a verdade surja em uma biografia muito anos depois dos fatos.




"Site Aqipossa 
Data da publicação: terça-feira, 27 de outubro de 2015
Postado por Aqipossa Informativo
O Campeão de Audiência - Autobiografia confirma que Flamengo comprava juízes para vencer 
O livro de 1991, a primeira edição, foi considerado um best-seller e foi escrito por Walter Clark e Gabriel Priolli. Em 2015 saiu a segunda edição. O livro de memórias de Walter Clark (1936-1997) é um relato fundamental sobre como a Rede Globo, uma empresa endividada e sem prestígio nos seus primeiros anos, se transformou na maior emissora do país.* 
Esgotado há muitos anos, o livro tinha 420 páginas e falava sobre um sem número de episódios polêmicos – a criação do chamado “padrão Globo de qualidade”, a invenção da grade da emissora, a profissionalização do sistema de publicidade, o lançamento do “Jornal Nacional”, o acordo de Roberto Marinho com o grupo Time-Life, os incêndios que atingiram as principais redes de TV nos anos 70* e confirma que o Flamengo pagava juízes de Futebol para obter vantagens nos campeonatos. Walter Clark ao deixar a Globo, foi vice presidente do Flamengo. 
Flamengo suborna juízes na própria sede
Walter Clark relata na página 356 do livro, que entre os dirigentes do Flamengo, ele cuidava da “retaguarda”, da qual fazia parte, o acerto de suborno à juízes para favorecer o time rubro negro. E é exatamente essa palavra que Walter Clark usa: SUBORNO. 
“...as mumunhas da arbitragem, os acertos com os juízes, o suborno. Todo mundo jura de pé junto que não existe, que são fatos isolados, mas na verdade, acontece, quase às claras, para quem quiser ver.” 
Walter relata que descobriu que um dos juízes fazia jogo duplo e confessa que o Flamengo se beneficiava disso, ao comentar uma passagem onde um dos tais juízes não cumpriu o acordo feito com o Flamengo: 
“...dizendo que ia dar uma grana a esse juiz para ele amolecer as coisas para o nosso lado”. 
Mas o juiz anularia logo no início do tal jogo, um gol, segundo Clark, legítimo, e explica: 
“Na apuração dos porquês, descobrimos que ele também estava a soldo do outro lado”. 
Walter, no entanto, não informa qual seria o adversário desta partida, nem o resultado do jogo (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.