BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

segunda-feira, 22 de maio de 2017

CASO TEMER: JUDICIÁRIO E MP DEVEM TRAZER EMPRESÁRIOS DA JBS DE VOLTA AO BRASIL

Prezados leitores, o Coronel de Polícia Reformado Paúl comenta que delator é tão bandido quanto o delatado. 
Ambos devem ir para a cadeia e devolver dinheiro para os cofres públicos. 
Ele pede ao Judiciário e ao Ministério Público que tragam de volta para o Brasil os empresários da JBS que fizeram as delações e que estão vivendo livremente nos Estados Unidos.





Juntos Somos Fortes!

6 comentários:

  1. Isso é o que todos esperamos! É o mínimo!

    ResponderExcluir
  2. Muito esquisito o MPF participar de uma trama dessas sem o concurso da PF, a qual só entrou na "operação" no final da execução para filmar malas de dinheiro. Antes já estava tudo esquematizado.... muito esquisito!

    ResponderExcluir
  3. Engraçado q na corregedoria qdo o pm é delatado é excluído,mas nada acontece com o delator também.
    Muito estranho isso também.
    Juntos somos fortes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A PM não tem corregedoria, tem expulsoria (só para praças).

      Excluir
  4. Nada a ver.
    Delação precisa de acordo e nem todos acordos são iguais.
    A delação desse caso é diferente das demais e a maior perda que deve ser imposta aos delatores tem que ser financeira.
    Nós EUA, tais acordos são muito comuns, perder o secundário para ficar com o principal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Respeito sua opinião. De a considerarmos temos que admitir que ocorreram injustiças com os outros delatores, como Marcelo Odebrecht. No tocante ao como funciona nos Estados Unidos, não condidero o país exemplo positivo de nada. Tê-lo como parâmetro é um direito seu...

      Excluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.