BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

terça-feira, 9 de maio de 2017

CIDADE ALTA - COMANDANTE DA POLÍCIA MILITAR COMENTA TRANSFERÊNCIA DOS POLICIAIS MILITARES



Prezados leitores, a existência de um áudio que está circulando pelas redes sociais pode ser um fator importante para o esclarecimentos dos fatos, tendo em vista que poderão ser realizados exames periciais de confronto de voz.
O exame permitirá identificar se as vozes existentes no áudio são ou não dos Policiais Militares que estão sendo investigados.
É fato que os investigados podem se negar a participar do exame, mas se forem inocentes não devem perder a oportunidade de terem suas vozes confrontadas.
Vamos aguardar o desenrolar das investigações. 

"Jornal Extra
08/05/17 19:11 Atualizado em 08/05/17 19:18
Comandante da PM confirma que policiais foram transferidos por suspeita de terem recebido propina para favorecer facção 
Carolina Heringer 
O comandante geral da PM, coronel Wolney Dias, confirmou, nesta segunda-feira, que a transferência de nove policiais militares do 16º BPM (Olaria), na última sexta-feira, ocorreu por suspeita de que os militares tenham recebido propina de umas das facções criminosas que disputa o domínio da Cidade Alta, em Cordovil. A suspeita está sendo investigada pela Corregedoria da PM. Na última terça-feira, traficantes do Comando Vermelho (CV) tentaram invadir a comunidade, dominada pelo Terceiro Comando Puro (TCP). A ação terminou com 45 suspeitos, todos integrantes do CV, presos. - Não estamos fazendo juízo de valor antecipado. A transferência foi feita para preservar a apuração. Não seremos condescendentes com desvios de conduta. O policial que faz isso é um traidor da sociedade que jurou servir - afirmou o coronel (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

2 comentários:

  1. Esse é o comandante que nenhuma corporação precisa. Um comandante que pune por suspeita e se manifesta antes da apuração do fato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comandante-Geral é cargo de confiança do governador do Estado, neste caso quem preencheu os requesitos do braço direito do SÉRGIO CABRAL foi o Coronel WOLNEY DIAS.

      Excluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.