BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS ESGOTADOS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os próximos livros a serem publicados pelo Coronel Paúl, basta encaminhar e-mail para pauloricardopaul@gmail.com e forneceremos informações.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

CORONEL PM FAZ CRÍTICAS À ATUAÇÃO DO BATALHÃO DE POLÍCIA DE CHOQUE

video


Prezados leitores, a atuação da Polícia Militar no controle de distúrbios civis tem sido muito criticada na maioria das vezes que ocorrem manifestações populares nas ruas do Rio de Janeiro.
Não está sendo diferente com relação à prevenção e à repressão com relação a ação policial nos atos de protesto contra o "pacote de maldades" que estão sendo realizados em frente à ALERJ.
Nos cabe destacar que criticar a ação do policiamento não significa defender aqueles que realizam atos de agressão contra os Policiais Militares e de vandalismo, uma interpretação equivocada que alguns fazem.
Ninguém defende agressores e vândalos.
As críticas que se generalizam nas redes sociais, sobretudo por parte dos Oficiais PM mais antigos, têm o objetivo de estimular a promoção de correções no planejamento e na execução, considerando que os erros estão sendo uma constante e as consequências poderão ser piores que as que foram vivenciadas até o momento.
Nenhum Policial Militar se sente feliz ao criticar a Polícia Militar.
Nesse diapasão de gerar progressos, transcrevemos três textos que circulam nas redes sociais como sendo da autoria do Coronel PM RR Lopes, fato que não tivemos como confirmar.

1) Cel RR Lopes, aspirante PM do Choque,1976, onde serviu por 5 anos, tendo sido instrutor de CDC, e subcomandante em 2003/4. 

2) Simplesmente vergonhosa a atuação desses PM,que não reconheço como integrantes do meu BPChoque. Atuam como guerrilheiros, não como integrantes de uma unidade de CDC. O emprego tático do choque na atualidade é totalmente equivocado. Isso não é uma tropa,é um bando! O protocolo de atuação de uma uma unidade de choque, seja no nível batalhão, companhia, pelotão, ou até mesmo força de choque deve observar os seguintes pressupostos: atuação dissuasória, demostração de força consubstanciada no princípio da coesão e dispersão dos manifestantes devendo ser previstas vias de escoamento. A falta de ponderação e racionalidade são gritantes. Ignoram que as forças adversas que ora enfrentam na ALERJ estão pleiteando algo que lhes é favorável. Sendo assim, é absolutamente irrazoável o uso da calibre 12 contra servidor público, até porque tal arma não obstante utilizando balim de borracha, pode ser letal se atingir região do corpo vulnerável. O ideal é o uso apenas de material químico visando a dispersão. Cel RR Lopes. 

3) Forçoso reconhecer que a continuar esse tipo de atuação equivocada, sem privilegiar a dissuasão, baseada na demonstração de força, formações táticas, tais como linha, cunha escalão, com apoio cerrado, central ou lateral,conforme a situação recomendar, tendo como objetivo a dispersão dos manifestantes, não a causação de baixas, certamente em breve teremos vítimas fatais pelo uso imoderado da força. E o que é pior, quando a multidão se transformar numa turba aquele efetivo de um pelotão será massacrado. Nunca vi tanto absurdo e tanta incompetência numa ação antimultitudinária. Cel RR Lopes. 

Os grifos são nossos.
O Coronel PM RR Lopes é reconhecido como especialista em controle de distúrbios civis.

Juntos Somos Fortes!

Um comentário:

  1. CARO COMPANHEIRO CORONEL PMERJ PAUL,
    CONSIDERO O CORONEL PMERJ LOPES UM DOS MELHORES ESPECIALISTAS EM CDC DA NOSSA CORPORAÇÃO.
    FOI FORMADO NUM TEMPO ÉPICO E HISTÓRICO DAQUELA LENDÁRIA UNIDADE QUE DENTRE OUTROS POSSUÍA QUADROS COMO CAPITÃO DE PAULA, MEU INSTRUTOR DE CDC EM 1973, CAPITÃO RAPOSO, CAPITÃO BASTOS, CAPITÃO CAMPIÃ, TENENTES CAVALIERE, MARATEO, LOPES E MARTINELLI.
    O CORONEL LOPES DEVE SABER MUITO BEM O QUE ESTÁ FALANDO POIS FOI SUBCOMANDANTE DA UNIDADE.
    SAUDAÇÕES
    PAULO FONTES

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.