Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

PRISÃO DE CABRAL: TCE PEDE EXPLICAÇÕES SOBRE COMPRAS A EX-SECRETÁRIO SERGIO CÔRTES



Prezados leitores, o cerco está apertando cada vez mais contra a turma do ex-governador Sérgio Cabral, sejam familiares ou amigos estão na alça de mira.
Sergio Côrtes integrou a "turma do guardanapo" que acompanhou Sérgio Cabral e esposa (Adriana Ancelmo) em várias viagens pelo mundo, todas elas luxuosas.
O TCE-RJ parece estar despertando de um sono profundo, tendo em vista que tem responsabilidade (ao lado dos deputados da ALERJ) sobre a gravíssima crise que o estado do Rio de Janeiro atravessa, considerando que tem como dever fiscalizar o executivo, o que parece não ter feito adequadamente.

"Site G1
TCE-RJ pede explicações a Sérgio Côrtes por compras sem licitações
Ex-secretário de Saúde terá que comprovar despesas ou devolver R$ 600 milhões aos cofres públicos.
Por Carlos Brito, G1 Rio
13/12/2016 14h54 Atualizado há 2 horas
O Plenário do Tribunal de Contas do Estado (TCE) aprovou na tarde desta terça-feira (30), por unanimidade, voto do conselheiro José Gomes Graciosa, que determina a notificação do ex-secretário estadual de Saúde, Sergio Côrtes. Segundo o órgão, durante sua gestão, pelo menos oito cooperativas foram contratadas pela secretaria com dispensa de licitação e sem comprovação efetiva de prestação de serviços. Segundo o que foi determinado pelo órgão, Côrtes e dois de seus assessores, César Romeo Vianna Júnior e Maurício Passos, terão 30 dias para apresentar explicações ou recolher, junto aos cofres públicos, o valor do prejuízo - estimado pelo corpo técnico do TCE em R$ 600 milhões.
Côrtes esteve à frente da pasta da Saúde entre 2007 e 2014, durante o governo de Sérgio Cabral. Ele aparece na polêmica sequência de imagens em Paris do ex-governador e amigos num restaurante com guardanapos na cabeça (Leiam mais)".

Juntos Somos Fortes!

3 comentários:

  1. Ainda falta muita gente entrar em cana. Essa quadrilha é grande e tem tentáculos onde agente nem imagina. Força, PF, MPF e Justiça Federal! Nós, cariocas, só contamos com vocês, pois os fiscais das leis fluminenses parecem não ver o que ocorre nas esferas do poder do RJ. Talvez, eles tenham "Somado Forças" com o mal.

    ResponderExcluir
  2. CARO COMPANHEIRO CORONEL PMERJ PAUL
    JÁ QUE O ASSUNTO É TCE VEJA A MATÉRIA ABAIXO COLACIONADA.

    JORNAL EXTRA ON LINE
    13/12/15 06:00

    Funcionários do TCE receberam R$ 2 mil de bônus natalino

    ISTO É UM ESCÁRNIO!!
    ISTO É UMA VERGONHA!!
    ISTO É UM ACHINCALHE!!
    ISTO É IMORAL!!
    COM O (EX)TADO DO RIO DE JANEIRO PASSANDO PELA SUA MAIOR CRISE EM TODA SUA HISTÓRIA, DIGA-SE DE PASSAGEM, GRAÇAS A MAIOR ONDA DE CORRUPÇÃO JAMAIS VISTA, ONDE O TCE NÃO FISCALIZOU NADA QUE ERA DA SUA OBRIGAÇÃO, COM O SEU ATUAL PRESIDENTE SENDO CONDUZIDO COERCITIVAMENTE PARA DEPOR NA POLÍCIA FEDERAL SOB SUSPEITA DE TRANSAÇÕES ILEGAIS E O PRESIDENTE ELEITO TENDO PARTICIPADO DA FAMOSA VOAGEM A PARIS, NO EPISÓDIO CONHECIDO COMO A GANGUE DOS GUARDANAPOS, OS SUSERANOS DO TCE, ÓRGÃO INÓCUO E DEPENDENTE DO LEGISLATIVO E DO EXECUTIVO, RESOLVEM CONCEDER ESSE IMORAL AUXÍLIO NATALINO, COMO SE JÁ NÃO BASTASSEM OS ALTÍSSIMOS SALÁRIOS, PENDURICALHOS, INDENIZAÇÕES, GRATIFICAÇÕES, TUDO PAGO EM DIA, GRAÇAS AO REPASSE DO DUODÉCIMO CONSTITUCIONAL, ENQUANTO OS VASSALOS,OU SEJA, OS DEMAIS SERVIDORES ATIVOS, INATIVOS E PENSIONISTAS, AMARGAM ATRASOS, AMEAÇA DE COMFISCO DE DIREITOS ADQUIRIDOS, NÃO PAGAMENTO DO 13º SALÁRIO, SUPRESSÃO DE AUMENTO CONCEDIDO, ETC.

    E SABEM PORQUE O MPE E O TJ RJ NÃO VÃO FAZER NADA OU FISCALIZAR NADA? EU MESMO RESPONDO:É PORQUE ELES TAMBÉM CONCEDEM ESSE TIPO DE AUXÍLIO AOS SEUS FUNCIONÁRIOS!!

    E ASSIM FICA SEM RESPOSTA A FAMOSA INDAGAÇÃO DE PLATÃO NO PROBLEMA ESSENCIAL PROPOSTO POR ELE EM SUA OBRA MAIOR A REPÚBLICA. QUANDO TRATA DE GOVERNO E MORALIDADE:

    QUIS CUSTODIET IPSOS CUSTODIET : QUEM VAI FISCALIZAR OS FISCALIZADORES?

    PAULO FONTES

    ResponderExcluir
  3. CARO COMPANHEIRO CORONEL PMERJ PAUL,
    A REVISTA VEJA PUBLICOU OUTRA DENÚNCIA QUE ENVOLVE SERGIO CABRAL E SUA EX MULHER SUSANA NEVES, CONFORME SE VÊ ABAIXO COLACIONADA
    SAUDAÇÕES
    PAULO FONTES

    Ex-mulher de Cabral recebeu 13 vezes dinheiro de propina, diz MPF
    MPF afirma que Susana recebeu 883.045 reais oriundos de recursos ilícitos. A ex-mulher do ex-governador era identificada como "Susi" nas planilhas
    Sérgio Cabral, ex-governador do Rio
    Ex-governador do Rio Sergio Cabral repassava valores em espécie para sua ex-mulher Susana Neves Cabral. Segundo MPF, os valores ultrapassaram 800 mil reais
    A denúncia apresentada pela força-tarefa da Lava Jato do Rio identificou que a ex-mulher de Sérgio Cabral, Susana Neves Cabral, recebeu 883.045 reais oriundos do esquema de corrupção que teria sido montado pelo ex-governador do Rio (PMDB).

    Segundo o Ministério Público Federal (MPF), Susana recebeu ao menos 13 vezes dinheiro de recursos ilícitos da organização criminosa, entre 2014 e 2016. Susana não foi localizada para comentar as acusações do MPF. As investigações também identificaram que Susana e Carlos Bezerra, um dos operadores da propina de Cabral, se comunicaram em 221 ligações nos últimos cinco anos.

    A ex-mulher de Cabral teria recebido repasses em espécie por Bezerra e Carlos Miranda, outro operador, que também foi descoberto em ligações telefônicas com Susana. “Resta clara a vinculação entre Carlos Bezerra e a destinatária dos valores, ao se analisar os dados do Sittel, em que constam 221 ligações entre ambos, nos últimos cinco anos, o que confirma a função do operador financeiro no pagamento das despesas da ex-esposa de Sérgio Cabral”, disseram os procuradores.

    ResponderExcluir

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.